ASSINE

Pesquisa aponta que mais de 295 mil pessoas tiveram Covid-19 no ES

Os dados são da terceira etapa do inquérito sorológico feito pelo Governo do Estado. Número foi divulgado pelo governador Renato Casagrande

Publicado em 13/06/2020 às 08h03
Atualizado em 13/06/2020 às 16h50
Ao todo, os testes para o inquérito sorológico serão realizados em 19 cidades do ES
Ao todo, os testes para o inquérito sorológico serão realizados em 19 cidades do ES. Crédito: Divulgação/Prefeitura de Aracruz

A terceira etapa do inquérito sorológico apontou que, estatisticamente, 295.773 pessoas tiveram contato com o  novo coronavírus  no Espírito Santo. O dado foi divulgado pelo governador Renato Casagrande na manhã deste sábado (13) e detalhado pelo secretário de Saúde, Nésio Fernandes, em coletiva de imprensa, realizada virtualmente. A quantidade corresponde a 7,36% da população do Estado. 

A terceira fase do inquérito sorológico no Estado com testes rápidos em amostra da população começou na segunda-feira (8) e foi encerrada na quarta-feira (10).  O objetivo é detectar anticorpos do novo coronavírus para saber o número de pessoas que já teve contato com a Covid-19 e avaliar em qual estágio da pandemia o Estado se encontra. Desta vez, as equipes da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) percorreram 19 municípios capixabas, sendo 4.633 pessoas testadas em domicílio.

Durante as quatro fases do inquérito,  as testagens devem ocorrer em um total de 27 cidades. A pesquisa teve início no dia 13 de maio e deve ser encerrada no dia 24 de junho, com a quarta etapa. 

Na primeira etapa, 97 cidadãos testaram positivo durante o inquérito sorológico.  A campanha de testes foi feita entre 13 e 15 de maio em 19 cidades do Espírito Santo.  O resultado apontou índice de prevalência de 2,1%, projetando que 84.391 pessoas já tiveram contato com a doença.

Já a segunda etapa trouxe índice de prevalência na população capixaba de  5, 14%,  o que equivale, estatisticamente, a mais de 206 mil pessoas, ou seja, um aumento do número de infectados.  Em número absoluto,  foram 239 casos positivos nos testes durante as visitas das equipes da Sesa, realizadas entre 27 e 29 de maio. 

AVANÇO DE CASOS NO INTERIOR DO ESTADO

O resultado do último inquérito sorológico mostrou um avanço da transmissão da doença no interior do Estado, passando de  0,32%, na primeira campanha de testes,  para 2,53% de prevalência de casos da doença entre a população. Isso corresponde a um crescimento de 714% do número de casos. A projeção de infectados passou de 6 mil, na primeira fase do inquérito sorológico, para 51 mil infectados no resultado mais recente. 

GRANDE VITÓRIA

Na Grande Vitória,  a prevalência era de 2,79%, no primeiro inquérito, e agora é de 8,88%. Ou seja, dos 55 mil infectados na primeira fase da pesquisa passou-se para 175 mil. 

Em relação aos números absolutos, a Sesa pontuou o comparativo do número de casos das cidades da Grande Vitória entre a primeira e a terceira fases do inquérito sorológico:

  • Serra - de 23 casos para 87 casos positivos;
  • Vila Velha - de 17 para 34 casos positivos;
  • Vitória - 33 para 69 casos positivos;
  • Cariacica - 19 para 60 casos positivos.
  • Guarapari - 1 para 16 casos positivos. 

MORADIA

A testagem em domicílio mostrou também que quanto mais pessoas residem em uma mesma residência, maiores são as chances de contaminação pelo novo coronavírus.  Na amostra trabalhada pelo inquérito sorológico, 33% dos domicílios visitados pelas equipes da Sesa tinham mais de quatro moradores.  Porém, quando analisados os números de infectados,  58% deles moram em residências com mais de quatro pessoas.  Esse mesmo panorama foi encontrado na primeira testagem realizada pelo governo. 

SINTOMAS

A perda de olfato e da capacidade de perceber os sabores dos alimentos foi o que esteve mais presente entre as pessoas que testaram positivo para o novo coronavírus, chegando a 46,9% do total. O mesmo sintoma foi apresentado por 45% e 38% dos infectados na primeira e segunda fase, respectivamente.  

30% dos capixabas contaminados avaliados no inquérito tiveram perda do olfato, tosse, dor muscular, cansaço e febre.

Sobre a preocupante falta de ar, 22% das pessoas que tiveram a Covid-19 tiveram este sintoma, que se apresenta em um quadro mais grave da doença. Na primeira campanha de testes, esse percentual chegou a 29% e na segunda, a 18%.

A busca pelo sistema de saúde ainda é relativamente baixa entre as pessoas que tiveram a Covid-19 no Espírito Santo. Os dados da campanha de testes mostraram que 60% dos infectados não procuraram assistência no sistema de saúde em momento algum.

TAXA E VELOCIDADE DE TRANSMISSÃO

Com os dados mais recentes, os estudos apontaram que  taxa de transmissão no Estado está em 1.6. Na Grande Vitória, está em 1.5, e de 2.1 no interior. 

"Essa taxa de transmissão caracteriza um descontrole no comportamento da pandemia, um crescimento acelerado no comportamento da transmissão do vírus. Ou seja, ainda não alçamos um grau adequado de distanciamento social para romper a cadeia de transmissão do vírus. É necessário que pratiquemos o distanciamento social de maneira mais radical por decisão individual de cada um, caso contrário não vamos conseguir vencer a pandemia e vamos acabar chegando aos 91% da taxa de ocupação de leitos de UTI", explicou o secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes. 

A quarta e última fase do Inquérito Sorológico vai acontecer entre os dias 22 de 24 de junho. 

CONFIRA OS MUNICÍPIOS CONTEMPLADOS NA 3ª ETAPA DO INQUÉRITO SOROLÓGICO:

  •  Afonso Cláudio
  • Alegre
  • Cachoeiro de Itapemirim
  • Cariacica
  • Colatina
  • Linhares
  • Nova Venécia
  • São Mateus
  • Serra
  • Vila Velha
  • Vitória
  • Aracruz
  •  Barra de São Francisco
  • Castelo
  • Guaçuí
  • Guarapari
  • Pedro Canário
  • São Gabriel da Palha
  • Venda Nova do Imigrante

PAINEL COVID-19

O painel Covid-19, plataforma do governo estadual para divulgar os números da doença, aponta que, até esta sexta-feira (12), 25.502 pessoas foram diagnosticadas com Covid-19. Destas, 999 morreram e 13.9321 são consideradas curadas.

Nesse sistema são contabilizados pacientes que apresentaram sintomas e foram notificados pelas unidades de atendimento municipais ou estaduais.

Espírito Santo Coronavírus no ES espírito santo Inquérito Sorológico

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.