ASSINE

No ES, mais de 15 mil candidatos faltaram ao primeiro dia de Enem

Eram esperadas mais de 58 mil pessoas para a primeira etapa do exame, que contou com redação e questões de Linguagens  e Ciências Humanas

Candidatos para o Enem se dirigindo ao local de prova
Candidatos para o Enem se dirigindo ao local de prova. Crédito: Ricardo Medeiros

Nem todos os inscritos no Exame Nacional do Exame Médio (Enem) 2021 compareceram ao primeiro dia de prova neste domingo (21). No Espírito Santo,  dos 57.713 candidatos que fariam o exame de forma presencial, 25,6% faltaram, segundo balanço divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Isso corresponde a 14.774 dos inscritos.

Já na modalidade digital, a ausência foi de quase metade dos candidatos. A previsão era que 846 pessoas fizessem a prova, mas 404 não compareceram, o que representa 47,8%.

No Espírito Santo, as provas foram aplicadas em 230 locais distribuídos em 38 municípios. 

O primeiro dia de provas contou com 45 questões de Linguagens e Códigos e 45 questões de Ciências Humanas, além da redação. O tema da redação deste ano foi "Invisibilidade e registro civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil”.

No próximo domingo (28), os candidatos irão responder 45 questões de Ciências da Natureza e 45 questões de Matemática. 

PERDI A PROVA, E AÍ?

Quem não conseguiu comparecer ao primeiro dia do Enem e quiser fazer a prova do próximo domingo (28), quando será aplicada a segunda etapa do exame, não tem problema. Pode ir!

Contudo, a participação servirá apenas para autoavaliação, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O boletim de desempenho individual apresentará as notas das provas realizadas.

A remarcação da prova do Enem só é possível em dois casos: se houve algum problema de logística no local onde o candidato realizaria a prova ou se ele contraiu, na semana do exame, alguma doença infectocontagiosa listada pelo Ministério da Educação:

  • Covid-19
  • Coqueluche;
  • Difteria;
  • Doença invasiva por Haemophilus Influenza;
  • Doença meningocócica e outras meningites;
  • Varíola;
  • Influenza humana A e B
  • Poliomielite por poliovírus selvagem;
  • Sarampo;
  • Rubéola;
  • Varicela

Nesses casos, o candidato deve pedir a reaplicação da prova na página do participante do Enem entre os dias 29 de novembro e 3 de dezembro e inserir um documento que comprove que estava doente no dia do exame. 

As provas vão ser reaplicadas nos dias 9 e 16 de janeiro.

SEM OCORRÊNCIAS 

Contando com um monitoramento para o primeiro dia do Enem, a  Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (SESP) informou que nenhuma intercorrência foi registrada nos locais de provas. 

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.