ASSINE

Imagens mostram (mais uma vez) aglomeração na Rua da Lama, em Vitória

A Prefeitura de Vitória afirmou ter recebido pelo menos três denúncias durante a noite de sexta-feira (6) e madrugada deste sábado (7)

Publicado em 07/08/2021 às 15h30
Aglomeração na rua da Lama, em Jardim da Penha, Vitória
Aglomeração na Rua Arthur Czartoryski, na região da Rua da Lama, em Jardim da Penha, Vitória. Crédito: Divulgação / Reprodução

Há mais de um ano, desde que a pandemia começou, duas recomendações passaram (ou deveriam ter passado) a fazer parte da rotina: uso de máscara e distanciamento social. O momento atual - com a maior parte do Espírito Santo em risco baixo e a vacinação em andamento - não impõe nenhuma restrição de circulação, mas a orientação para evitar aglomerações está mantida. Mesmo assim, há quem prefira não respeitar as regras. Como já aconteceu outras vezes, a madrugada deste sábado (7) foi de aglomeração na Rua da Lama, no bairro Jardim da Penha, em Vitória.

Imagens gravadas durante a noite de sexta-feira (6) e a madrugada deste sábado (7), e compartilhadas nas redes sociais, mostram muita gente reunida - sem máscara - no local que é um dos principais pontos de boemia  da Capital. A multidão aparece na Rua Arthur Czartoryski, na região da Rua da Lama. A Prefeitura de Vitória afirmou ter recebido pelo menos três denúncias. Veja vídeo:

Aglomeração na região da Rua da Lama, em Vitória

O QUE DIZ A PREFEITURA DE VITÓRIA

Procurada pela reportagem de A Gazeta, a Prefeitura de Vitória disse, por nota, que tem buscado "orientar a população sobre os protocolos de biossegurança no enfrentamento à Covid-19, mesmo neste momento, em que não há restrição de circulação de pessoas". Na madrugada deste sábado (7), quatro caixas de som foram apreendidas na Rua da Lama

"Desde o início do ano, a Prefeitura Municipal de Vitória tem realizado um amplo trabalho na Capital no sentindo de coibir aglomerações. Ao longo da noite de sexta para sábado, foram três denúncias relacionadas à Rua da Lama, e equipes do Comitê de Combate ao Coronavírus apreenderam quatro caixas de som no local. As abordagens contam com a participação da Secretaria de Desenvolvimento da Cidade e Habitação (Sedec), do Disque-Silêncio (Semmam), da Vigilância Sanitária, da Guarda Civil Municipal de Vitória, da Polícia Militar, da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros", diz a nota.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.