ASSINE

Governadores, com Casagrande, propõem a John Kerry criação de fundo ambiental

Seis governadores brasileiros se reuniram com o secretário do governo norte-americano para discutir propostas de proteção ao meio ambiente

Casagrande em reunião on-line com secretário norte-americano
Casagrande em reunião on-line com os governadores e John Kerry, nesta sexta-feira (30). Crédito: Rodrigo Araújo/Governo do ES

Seis governadores brasileiros, entre eles Renato Casagrande,  participaram de uma reunião on-line com o enviado presidencial dos Estados Unidos para o Clima, John Kerry, na tarde desta sexta-feira (30). O foco foi discutir projetos de conservação ambiental e bioeconomia e também a criação de um fundo para executar as propostas. 

Além do governador capixaba, participaram da reunião os governadores de São Paulo, João Dória (representante da região Sudeste); do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (Sul); do Pará, Helder Barbalho (Norte); do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (Centro-Oeste); do Piauí, Wellington Dias (Nordeste); e do Maranhão, Flávio Dino (Consórcio da Amazônia).

A reunião foi marcada em decorrência da carta enviada ao presidente americano, Joe Biden, em abril, efetivando a necessidade de aumentar o diálogo sobre meio ambiente e políticas públicas.

"Apresentamos para o secretário os projetos de cada região em termo de propostas iniciais, nossos projetos e ouvimos a sua percepção do papel do Brasil. Mostrou a preocupação dele e de outros países, como Noruega e Alemanha, sobre o desmatamento e incêndios na Amazônia e no Pantanal e reafirmou sobre a importância do Movimento dos Governadores pelo Clima para ajudar o Brasil a alcançar as metas para estancar a elevação da temperatura média do planeta", explicou Casagrande. 

Para isso acontecer é preciso mudar fontes de energia, reflorestar, parar de desmatar e repensar formas de consumo. Os governadores desejam que seja criado um “Consórcio de Mudanças Climáticas” para administrar um fundo único nacional, que poderá receber investimentos de países e entidades que lutam pela preservação do meio ambiente.

Kerry será um interlocutor para angariar recursos e também para cumprimento de metas estabelecidas em acordos internacionais. O encontro faz parte de um ciclo de reuniões que serão realizadas com outros países, como a China, a União Europeia e outras organizações internacionais, e foi apresentado aos capixabas durante pronunciamento virtual de Casagrande, no início da noite desta sexta-feira (30).

“Nossa organização é incentivar que os Estados brasileiros tenham programas de mudanças climáticas e que trabalhem internamente com medidas efetivas de redução de emissões de gás carbônico e  proteção ambiental”, afirmou Casagrande, que é o articulador do grupo de governadores. A reunião durou pouco mais de uma hora. 

COVID-19

Durante o pronunciamento, o governador também falou sobre a situação da pandemia no Espírito Santo. Apesar de o momento ser aparentemente favorável,  com uma das menores taxas de transmissão desde o início da pandemia, Casagrande chamou atenção para a média de mortes pela Covid-19.

"Estamos com a menor taxa de transmissão, 0.6, na Grande Vitória e um pouco pior no interior. O índice de positividade para casos vem caindo e o número de testes é grande. A taxa de óbito é de 8 a 10%, assim como a taxa de ocupação de leitos vem caído. Mas isso não significa que tenha acabado", pontuou.

Sobre a vacinação, o governador registrou que 20% da população capixaba está totalmente imunizada e falou sobre a importância de se manter os cuidados como higienização e uso de máscaras. "A vacina está salvando vidas. Mas usar máscaras e manter os cuidados também salva vidas. Ter cerca de 10 pessoas morrendo significa que estamos perdendo muitas vidas para essa doença e queremos chegar a zero", completou Renato Casagrande. 

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.