ASSINE

Covid-19: 29 cidades do ES vão fazer testagem em massa nas escolas

Medida visa aumentar o controle da doença, realizando teste entre alunos e funcionários das unidades de ensino municipais e estaduais

Publicado em 30/07/2021 às 16h04
Aluno na sala de aula
Os testes serão realizados em escolas da rede pública nos municípios que aderiram à medida. Crédito: Shutterstock

Pelo menos 29 cidades do Espírito Santo já decidiram aderir à testagem em massa para diagnóstico da Covid-19 nas escolas. A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) disponibilizou o Laboratório Central (Lacen) para realizar esse serviço, cuja capacidade estimada é de mais de 50 mil exames por mês somente da comunidade escolar. 

O anúncio foi feito pelo secretário da Saúde, Nésio Fernandes, pelas redes sociais, destacando que será usado o RT-PCR. O teste poderá ser aplicado em alunos, professores e servidores, mesmo os assintomáticos, das redes municipais e estadual. 

Nésio Fernandes estima chegar a 40 municípios participantes da ação que, segundo ele, vai contribuir para o controle da circulação do Sars-Cov-2, considerando que, ao identificar uma pessoa infectada, ela será isolada, interrompendo a cadeia de transmissão. 

O secretário ressalta que a escola tem se mostrado um ambiente bastante controlado, com todos os protocolos que foram implementados, mas observa que o espaço escolar é um recorte da sociedade e que, mesmo com os cuidados adotados, pode haver infectados, sobretudo pessoas assintomáticas. Por essa razão, a testagem em massa, reforça Nésio Fernandes, é uma estratégia que visa aumentar o controle da doença. 

Questionado sobre a capacidade do Lacen, o secretário diz que, atualmente, o laboratório realiza uma média de 1,8 mil exames, com resposta em até 24 horas, e que, com a demanda das escolas, pode executar cerca de outros 3 mil. 

Para Nésio Fernandes, a testagem é uma medida que, somada à vacinação acelerada, uso de máscaras e distanciamento social, contribui para reduzir os indicadores da Covid-19 no Espírito Santo. 

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.