ASSINE

Centro Cultural Sesc Glória, em Vitória, não vai reabrir em 2020

Proposta é reabrir o espaço em 2021 com a mostra do Festival Varilux de Cinema, diz a coordenadora cultural do espaço

Publicado em 18/11/2020 às 16h57
Atualizado em 19/11/2020 às 17h31
Centro Cultural Sesc Glória
Centro Cultural Sesc Glória. Crédito: Rita Benezath

Fechado desde o início da pandemia do novo coronavírus, o Centro Cultural Sesc Glória, localizado no Centro de Vitória, não vai reabrir em 2020. Mesmo com a liberação do Governo do Estado para reabertura de cinemas, teatros e galerias de arte com regras de distanciamento, o complexo só deve voltar a funcionar em 2021, segundo a coordenadora cultural do Sesc Glória, Rita Sarmento.

"Vamos esperar uma flexibilidade maior das regras para segurança dos funcionários e da população. Não dá para abrir um espaço apenas, como o cinema. Se abrirmos, será todo o complexo", explica Rita, em entrevista ao Divirta-se.

De acordo com a coordenadora, a previsão é reabrir o Sesc Glória com a mostra do Festival Varilux de Cinema Francês, que começa nesta quinta-feira (19), em todo o país. "A ideia é abrir o espaço com o Festival Varilux, mas a mostra vai ficar para o ano que vem, já que temos o prazo até março para executá-la presencialmente", explica.

FESTIVAL

No Espírito Santo, o Festival Varilux acontece tradicionalmente no Sesc Glória e no Cine Jardins. O cinema de Jardim da Penha já inicia a exibição da mostra 2020 nesta quinta-feira (19). A programação será divulgada em A Gazeta na mesma data.

O complexo cultural do Centro da Capital vai deixar para o ano que vem a exibição, o que é permitido pela produtora Bonfilm, que realiza o evento no Brasil. De acordo com a organização do Festival Varilux, os exibidores terão a opção de programar o festival em datas diferentes, até o final de fevereiro de 2021.

DEMISSÕES

Vale lembrar que em maio deste ano, com a pandemia já instaurada no Espírito Santo, o Regional ES do Serviço Social do Comércio (Sesc) demitiu colaboradores e conselheiros – sem especificar quantos e quais cargos – do Centro Cultural Sesc Glória, justificando queda na receita.

As demissões geraram repercussão nas redes sociais sobre o possível desmantelamento e fechamento do espaço. Na época, Rita disse que "de forma nenhuma foi pensado em parar as atividades do Sesc em 2021".

Cultura Coronavírus Coronavírus no ES Sesc Glória Pandemia

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.