ASSINE
Jornalista de A Gazeta há 10 anos, está à frente da editoria de Esportes desde 2016. Como colunista, traz os bastidores e as análises dos principais acontecimentos esportivos no Espírito Santo e no Brasil

Calendário promete: Brasileirão vai começar com pelo menos 3 jogos adiados

A distribuição das partidas no calendário inchado do futebol brasileiro já é uma dificuldade natural. Imagine em um  ano prejudicado por uma pandemia

Publicado em 03/08/2020 às 15h12
Atualizado em 04/08/2020 às 17h27
Taça do Brasileirão é o objeto de desejo dos 20 clubes que estão na disputa
Taça do Brasileirão é o objeto de desejo dos 20 clubes que estão na disputa. Crédito: CBF/Divulgação

Com o início adiado por conta da pandemia do novo coronavírus, o Brasileirão começa no próximo sábado (08). Para dar seu cartão de boas-vindas, sua primeira rodada já terá  três partidas adiadas, mostrando que o calendário do futebol brasileiro vai ser uma verdadeira colcha de retalhos. Claro que muito disso ocorre pelo momento delicado que o país vive, mas a falta de flexibilidade de federações também contribuem muito para esse cenário.

Por conta da classificação de Corinthians e Palmeiras para a grande final do Paulistão, que acontece em confrontos de ida a volta, com a primeira partida nesta quarta-feira (05) e o segunda no sábado (08), os jogos das duas equipes paulistas na primeira rodada do Brasileirão foram adiados. Ou seja, Palmeiras x Vasco e Corinthians x Atlético Goianiense não serão realizados no próximo fim de semana e muito menos têm uma data prevista para acontecer.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) foi a primeira entidade a definir o retorno de suas competições, justamente para que as federações tivessem tempo de reorganizar suas competições. Mas ainda assim, a Federação Paulista de Futebol (FPF) conseguiu programar a final do Paulistão para a data que coincide com o início do Campeonato Brasileiro.

Este vídeo pode te interessar

E em um cenário com calendário espremido e com jogos sem a presença de torcedores, em que o mando de campo não fará nenhuma diferença, qual a necessidade de uma final em jogos de ida e volta? O Paulistão poderia ser definido em jogo único na quarta, e pronto. Mas parece que não há interesse em minimizar os problemas.

Além dos dois jogos envolvendo os times paulistas, a CBF também adiou Botafogo x Bahia. O time baiano disputa a final do Estadual contra o Atlético de Alagoinhas. As partidas acontecem na quarta-feira e no sábado, um dia antes do duelo com o Glorioso pelo Brasileirão.  Por isso o jogo não acontecerá.

O número de jogos adiados vai aumentar em breve, já que no Rio Grande do Sul, o Gaúchão terá a decisão do segundo turno disputada nesta quarta entre Grêmio e Internacional. A grande final da competição está prevista para duas partidas a partir do próximo fim de semana, mas a federação estuda mudar a fórmula para jogo único e assim interferir menos no Brasileirão.

Vasco vence Volta Redonda
Vasco não vai estrear pelo Campeonato Brasileiro no próximo final de semana. Crédito: Agência Lance

Dessa forma, o vencedor jogo desta quarta entre Inter e Grêmio terá seu jogo adiado pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Ou seja: Coritiba x Inter ou Grêmio x Fluminense será adiado.

E isso sem nem ter início Copa do Brasil, Libertadores e Sul-Americana, que vão mexer ainda mais com a rotina das equipes brasileiras. O calendário promete!

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.