ASSINE

Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES

Apesar do aumento no volume de água, a situação ainda é de risco hídrico e só deve melhorar caso a previsão de chuvas acima da média até o fim do mês se confirme

Linhares
Publicado em 13/10/2021 às 10h27
Rio Doce sobe, mas situação ainda é crítica no Norte e Noroeste do ES. Crédito: Felipe Tozatto/Prefeitura de Linhares/Divulgação
Rio Doce sobe, mas situação ainda é crítica no Norte e Noroeste do ES. Crédito: Felipe Tozatto/Prefeitura de Linhares/Divulgação

Outubro começou chuvoso em todo o Espírito Santo e contribuiu para uma leve melhora do nível do Rio Doce, que corta o Norte e o Noroeste do Estado. Apesar do aumento no volume de água, a situação ainda é crítica e só deve melhorar caso a previsão de chuvas acima do normal até o fim do mês se confirme.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil de Colatina, Allex Guerra, o rio atingiu 146 cm no município do Noroeste capixaba após as últimas chuvas, mas os bancos de areia continuam e só devem desaparecer caso continue chovendo.

Guerra explica que a situação ainda permanece crítica e que a Agência Estadual de Recursos Hídricos (Agerh) manteve a decretação do Estado de Atenção para o Estado. "Os bancos de areia continuam, mas a tendência agora é que o rio volte a encher ”, evidencia.

A situação é parecida em Linhares, no Norte do Estado. O coordenador da Defesa Civil do município, Antônio Carlos, salienta que o último monitoramento feito pelo órgão constatou que o Rio Doce estava com menos de 50 cm na cidade. Segundo ele, a situação só deve melhorar caso chova mais na bacia, ou seja, nos municípios capixabas e mineiros nos quais o rio passa.

Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES

Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES
Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES. Felipe Tozatto, Prefeitura de Linhares
Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES
Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES. Felipe Tozatto, Prefeitura de Linhares
Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES
Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES. Felipe Tozatto, Prefeitura de Linhares
Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES
Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES
Rio Doce sobe, mas situação segue crítica no Norte e Noroeste do ES

ESTADO DE ATENÇÃO PARA ESCASSEZ CONTINUA

A Agerh continua monitorando o nível dos rios e, mesmo com os últimos registros de chuva, manteve o Espírito Santo no Estado de Atenção em relação à escassez hídrica. Segundo o órgão, a chuva marca a transição do fim do período de estiagem para o início do período chuvoso e promove uma leve recuperação das vazões dos rios do Estado.

No entanto, recomenda a importância da população e os segmentos produtivos continuarem atendendo às recomendações de economia no uso da água, no campo e na cidade.

Previsão de Chuva do Incaper para o mês de outubro. Crédito: Incaper / Arte A Gazeta
Previsão de Chuva do Incaper para o mês de outubro. Crédito: Incaper / Arte A Gazeta

CHUVA ACIMA DO NORMAL EM OUTUBRO

A previsão do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) é para um outubro com chuvas acima do normal. Se chover o previsto, as Defesas Civis de Linhares e Colatina acreditam que a situação do Rio Doce deve melhorar, mudando o cenário de bancos de areia que marcam o período de seca nas regiões.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.