ASSINE

Massa de ar frio vai derrubar temperaturas no ES durante esta semana

Segundo o  Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), as temperaturas começam a cair a partir desta terça-feira (20) e a podem chegar a 7 °C na Região Serrana

Publicado em 19/07/2021 às 15h08
Frio e agasalhos
Prepare o agasalho: vai esfriar de novo!. Crédito: Carlos Alberto Silva

Uma semana. Foi o tempo que os capixabas tiveram para curtir o sol e as temperaturas um pouco mais elevadas, mesmo no inverno. A previsão é de que nesta semana a temperatura volte a cair em todo o Espírito Santo.

Segundo o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), uma massa de ar frio, que já derrubou as temperaturas no Sul do Brasil, agora se aproxima dos estados da região Sudeste, incluindo o Espírito Santo. Por aqui, as temperaturas começam a cair a partir desta terça-feira (20).

"Entre hoje (segunda) e amanhã poderemos ter alguma chuva passageira em alguns pontos do Estado. Em função do ar mais resfriado, a partir de amanhã (terça), as temperaturas mínimas começam a cair no Estado. A partir de quarta-feira, o tempo fica aberto em todas as regiões, e justamente em função do tempo aberto, as temperaturas sofrerão uma forte redução no período noturno", explica o meteorologista Hugo Ramos.

Como de costume, as menores temperaturas devem ser registradas na região Serrana. Mesmo assim, na Grande Vitória, os termômetros não devem ultrapassar os 25 °C. 

"Na Região Serrana, a tendência é que as temperaturas devam cair para 8 °C ou 7 °C na quarta-feira. na Grande Vitória, as mínimas podem cair para 17 °C. Nas demais regiões (como áreas menos elevadas da Região Noroeste e áreas mais elevadas no Sul), as temperaturas podem chegar na casa dos 11 °C, no entanto, devemos acompanhar a tendência de queda, caso a massa de ar atue com mais intensidade", avalia o meteorologista do Incaper.

CUIDADO COM A UMIDADE

Além disso, a umidade relativa do ar fica abaixo dos 30% no período da tarde no extremo oeste das regiões Sul e Serrana. O ar seco facilita o surgimento de viroses e alergias, por isso é importante se hidratar bastante e manter os ambientes úmidos. O ideal, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), é que a umidade do ar varie entre 50% e 80%. Por isso, quando os níveis estão entre 20% e 30%, as regiões entram em estado de atenção.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Previsão do Tempo frente fria Inverno

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.