ASSINE

A Fazenda: harmonização facial de peões chama atenção e médicos falam dos perigos

Tema virou debate nas redes sociais após a estreia do reality show e com a Liziane Gutierrez explicando que o procedimento deu errado no seu rosto

Vitória
Publicado em 21/09/2021 às 15h00
Liziane Gutierrez e Valentina Fracavilla em A Fazenda 13
Liziane Gutierrez e Valentina Fracavilla em A Fazenda 13. Crédito: Reprodução | Record TV

A 13ª edição de "A Fazenda", reality show da Record TV, começou no último dia 14 e já está dando o que falar. Um dos assuntos que têm chamado atenção nas redes sociais é em relação aos procedimentos estéticos que os participantes já realizaram — entre eles, a harmonização facial (que deu errado) da peoa Liziane Gutierrez.

Em 2018, a modelo realizou o procedimento, mas o resultado não saiu como o esperado e acabou causando prejuízos no rosto dela. Na madrugada da última sexta-feira (17), a peoa comentou com os outros peões sobre o erro na harmonização.

“Eu fiz a harmonização em 2018 e tive a rejeição. Eu cortei minha boca inteira, eu não sei até quanto pode colocar, a pessoa que está fazendo o procedimento tem que saber. Quando começou a dar o problema, falou que é alergia, alergia, alergia e eu fiquei monstruosa. Foi horrível”, explicou.

Liziane foi para os Estados Unidos para fazer a retirada das substâncias injetadas no rosto. Ela afirmou que, após a retirada, aprovou o resultado da cirurgia.

“Cuidado com harmonização facial, cuidado com o que você coloca no seu rosto. Esqueçam fotos de antes e depois manipuladas. Eu retirei toda essa porcaria de ‘harmonização’ do meu rosto e para ser sincera com vocês, eu só queria retirar tudo tanto da minha boca quanto do meu rosto e acabei amando o resultado da minha cirurgia”.

Nas redes sociais, internautas não pouparam comentários sobre a aparência de Liziane, e a assessoria da modelo se pronunciou sobre os ataques. "Julgar alguém pela aparência é jogo sujo e não vamos aceitar", disse em um post.

HARMONIZAÇÃO FACIAL

Para entender um pouco mais sobre o procedimento, a reportagem da Revista.AG conversou com a dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), Irene Baldi. Ela explicou que a harmonização é um conjunto de procedimentos que são realizados para melhorar a estética da face, alinhando e corrigindo imperfeições que incomodam o paciente ou que sejam necessárias mediante a algum acidente ocorrido.

"Podem ser usados diversos procedimentos como microagulhamento, pellings, toxina botulínica, preenchimentos, liftings, radiofrequência, ultrassom microfocado, lasers e bioestímulo de colágeno", detalhou. Questionada sobre qual é o propósito deste tipo de procedimento, a dermatologista especificou.

"Equilibrar determinadas regiões do rosto. Vai depender muito do que o paciente quer para se sentir melhor, e nós como profissionais vamos orientar em quais procedimentos podem ser indicados, dependendo se será algo envolvendo bochecha, boca, nariz, queixo, maçã do rosto, entre outros", completou.

Dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), Irene Baldi
Dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), Irene Baldi. Crédito: Divulgação

Por fim, a profissional falou sobre a reversão da harmonização, que cada procedimento tem que ser analisado caso a caso, mas se for algo que foi feito mais superficialmente, passado um tempo, é possível que seja revertido sim.

BANALIZAÇÃO DO PROCEDIMENTO

À reportagem da Revista.AG, a dermatologista Karina Mazzini especificou que todos esses procedimentos devem ser realizados aos poucos e por um profissional médico habilitado. "Médicos treinados e capacitados são quem, além de dominarem a técnica, conhecem profundamente a anatomia da face", disse.

Karina Mazzini

dermatologista

"Na minha opinião, todo tipo de aplicação deve ser feito aos poucos. Nunca aceite fazer tudo de uma vez só. É preciso cautela para que o resultado seja um rosto bonito, natural, harmônico e, principalmente, saudável"

Ela ainda comentou sobre a balanização desse tipo de procedimento, e revela que todos os dias recebe pacientes que precisam de ajuda para tratar os problemas causados por maus profissionais.

A dermatologista Karina Mazzini
A dermatologista Karina Mazzini. Crédito: Divulgação

"Sejam problemas estéticos causados por falta de técnica, e até mesmo edemas, acúmulo de produto, oclusão arterial... Isso pode ocasionar até necrose e algumas pessoas podem desenvolver alergias", concluiu.

MITOS E VERDADES

Com a popularização da harmonização facial, é possível notar o surgimento de diversas dúvidas. Para auxiliar aqueles que ainda estão inseguros sobre o procedimento, a especialista Daniela Lopez selecionou três mitos e verdades que você precisa conhecer sobre a harmonização facial.

  1. 01

    A harmonização facial causa perda de sensibilidade

    Mito. Conforme aponta Lopez, a harmonização facial envolve uma série de procedimentos estéticos considerados não invasivos. “Qualquer técnica utilizada na harmonização facial, como a aplicação de toxina botulínica – o famoso botox – e a aplicação de ácido hialurônico, é superficial. Por isso, o procedimento não interfere na sensibilidade da pele do rosto”, explica a especialista.

  2. 02

    Os resultados da harmonização facial são artificiais

    Mito. É provável que você já tenha visto resultados nada satisfatórios de uma harmonização facial. Por outro lado, já deve ter se encantado com a mudança que ocorreu após o procedimento. “Os resultados da harmonização facial dependem do profissional que realiza o procedimento e dos traços de cada pessoa. Como as características são singulares, o profissional precisa estudar o paciente e verificar quais técnicas devem ser utilizadas para que o resultado seja o mais natural possível”, aponta Lopez.

  3. 03

    A harmonização facial é reversível

    Verdade. Se você tem medo de se arrepender da harmonização facial após realizar o procedimento, pode ficar tranquilo, pois as técnicas são reversíveis. “Quando realizada com ácido hialurônico, a harmonização facial é totalmente reversível. Para isso, o profissional responsável precisa utilizar a enzima hialuronidase, que irá reverter o resultado”, finaliza a especialista.

OUTROS PEÕES

Valentina Fracavilla, ex-assistente do Programa do Ratinho, também recebeu críticas pesadas do público. A peoa surpreendeu os seguidores ao surgir no reality sem lentes de contato azuis, harmonização facial e lente de porcelana nos dentes.

A funkeira Tati Quebra Barraco, dona do hit Boladona, foi outra que chamou a atenção pelo excesso de botox e expressões faciais diferenciadas.

Internautas também comentaram de forma geral as harmonizações faciais, a que os peões se submeteram antes de entrar no confinamento, como o caso de Dynho Alves, ex-Power Couple, Rico Melquiades ex-De férias com o ex – Celebs e o Ex-BBB e ex-No Limite, Arcrebiano, o Bil Araújo.

Ainda foi comentado o caso do cantor Tiago Piquilo, que realizou um procedimento estético peculiar. Dupla sertaneja de Hugo, realizou a faloplastia, cujo objetivo tem por aumentar o comprimento do pênis.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Espírito Santo espírito santo A Fazenda Harmonização facial

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.