ASSINE

Saiba como manter os pets longe das pulgas, carrapatos e mosquitos

Comprimidos, pipetas e até certas coleiras podem ajudar a inibir a ação dos parasitas externos, que comprometem a saúde dos bichinhos – podem provocar reações alérgicas e até doenças. Veja as dicas de médica veterinária

Publicado em 29/10/2020 às 17h39
Cachorro; fotografia de pet
Saiba como inibir a ação de parasitas externos. Crédito: Mônica Spohn

Um dos cuidados que os donos de pets precisam ter para deixar o animalzinho saudável e fora de risco é a limpeza. Mas como manter a higiene e conseguir manter o cachorro ou gato bem longe das pulgas, carrapatos e mosquitos (que podem provocar reações alérgicas e levar até doenças para os bichinhos)?

Na edição desta quarta-feira (28) do Clube Pet CBN – quadro do programa CBN Cotidiano –, a médica veterinária Tatiana Sacchi alertou que as pulgas, mosquitos e carrapatos são "parasitas que carregam outros parasitas".

A comentarista da Rádio CBN Vitória citou, em entrevista ao jornalista Fábio Botacin, que os parasitas causam coceiras nos cães e gatos, que podem, ainda, ser alérgicos e apresentarem queda de pelo. A especialista explica qual ambiente é propício à proliferação das pulgas, por exemplo.

"Quanto mais quente, úmido e protegido o ambiente, mais propício para as pulgas se proliferarem e, por esse motivo, o ciclo de vida da pulga pode durar de dias a meses", acrescentou.

Para manter os bichinhos longe desses parasitas, a médica veterinária Tatiana Sacchi listou algumas dicas para os donos de cães e gatos,

VEJA ALGUMAS DICAS:

  1. 01

    ANTIPARASITÁRIOS ORAIS

    São os últimos lançamentos do mercado e tem sido extremamente eficazes contra pulgas e carrapatos, mas infelizmente não protegem contra os mosquitos. Existem opções de comprimidos palatáveis para cães que protegem por 30, 35 ou 90 dias.

  2. 02

    PIPETAS TOP SPOT

    São aplicadas na pele do dorso do animal, começam a agir dentro de 24 a 48 horas e mantém a ação por 30 dias, em média. Têm ação contra pulgas e carrapatos. Algumas pipetas também funcionam como repelentes de mosquitos, mas é preciso se informar no ato da compra.

  3. 03

    COLEIRAS

    São colocadas no pescoço e agem por 3 a 6 meses. São impregnadas por substâncias que são lentamente liberadas. Podem ter um risco maior de intoxicar ou causar alergia no animal. Evitar usar em animais que possuem contato íntimo com crianças. Pode não ser interessante quando há mais de um animal na casa e um remover do pescoço do outro. Assim como as pipetas, algumas atuam como repelente de mosquitos.

  4. 04

    AVISO IMPORTANTE

    Os xampus e sabonetes para banho não possuem efeitos de proteção, apenas vão eliminar os parasitas que estão no corpo do animal naquele momento. Caso o animal volte a frequentar um ambiente contaminado ele sofrerá novamente com a infestação.

cbn cotidiano cbn vitoria Tatiana Sacchi Pets

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.