ASSINE

Recall de Marcas 2021: veja vencedoras no segmento "loja de eletrodomésticos"

Realizado pela Futura Inteligência, levantamento revela as marcas mais lembradas pelo consumidor

Publicado em 18/06/2021 às 00h39
Loja de eletrodomésticos é uma das categorias avaliadas no Recall de Marcas
Loja de eletrodomésticos é uma das categorias avaliadas no Recall de Marcas. Crédito: Pixabay

Com a pandemia, muitas famílias voltaram o olhar para dentro de casa e decidiram investir em produtos que trazem mais praticidade, conforto e ajudam a melhorar a qualidade de vida. Para ter um ambiente funcional, os eletrodomésticos compõem esse cenário. As lojas especializadas ofertam os mais modernos produtos para satisfazer essa necessidade.

Este foi um dos segmentos avaliados no 29º Recall de Marcas Rede Gazeta. A pesquisa é realizada pela Futura Inteligência, empresa especializada em levantamentos no Espírito Santo. Foram entrevistadas 2,4 mil pessoas na Grande Vitória (Vitória, Serra, Cariacica e Vila Velha).

Veja as vencedoras do segmento no Recall de Marcas 2021:

  1. 02

    2º lugar - Casas Bahia

    As Casas Bahia têm mais de 60 anos de atuação no mercado nacional. A rede comercializa eletrodomésticos, eletroeletrônicos, móveis e utilidades domésticas. A marca é administrada pela Via Varejo, companhia com ações negociadas na BMFBovespa. A sede administrativa está localizada em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo. A empresa tem atualmente cerca de 50 mil funcionários em 750 lojas distribuídas por 20 Estados. 

  2. 03

    3º lugar - Ricardo Eletro

     A Ricardo Eletro surgiu em 1989, na cidade mineira de Divinópolis. A marca expandiu para o interior do Estado, chegando em Belo Horizonte 10 anos depois. A primeira expansão para fora de Minas Gerais aconteceu em 2002, com a abertura de lojas no Espírito Santo. Em 2020, a empresa fechou todas as lojas físicas, anunciando que passaria a atuar somente no e-commerce.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Recall de Marcas Recall de Marcas 2021 Recall 2021

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.