ASSINE

Tóquio 2021: confira os dias e horários das disputas dos atletas capixabas

Reportagem especial mostra todos os detalhes das provas disputadas pelos nove atletas capixabas nos Jogos Olímpicos do Japão, que começaram já nesta quinta (22). Richarlison, com a seleção masculina de futebol, é o primeiro do ES a estrear

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 21/07/2021 às 19h17
Nove atletas capixabas estarão nos Jogos Olímpicos de Tóquio
Nove atletas capixabas estarão nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Crédito: Arte Geraldo Neto

A partir desta quinta-feira (22) tem início a jornada dos nove atletas capixabas em busca do tão sonhado ouro nas Olimpíadas de Tóquio. Divididos em seis modalidades, eles buscarão a oportunidade de entrar no seleto hall de competidores nascidos no Espírito Santo que conseguiram conquistar a medalha olímpica.

Para ajudar o nosso leitor a acompanhar todas as provas com nossos capixabas e se ajustar ao fuso horário um pouco (bastante) diferente, o ge e A Gazeta formularam uma agenda com todos os detalhes para ninguém perder nem um segundo das Olimpíadas. Aqui, nosso leitor poderá encontrar as datas e os horários das competições disputadas por Richarlison (futebol), Paulo André (atletismo), Geovanna Santos e Déborah Medrado (ginástica rítmica), Alexandra Nascimento e Vinícius Teixeira (handebol), Nacif Elias (judô) e Alison Cerutti e Bruno Schmidt (vôlei de praia) no maior evento esportivo do planeta. Confira abaixo:

FUTEBOL MASCULINO

O capixaba Richarlison atuando pela seleção brasileira
O capixaba Richarlison poderá conduzir a Seleção ao bi campeonato olímpico em Tóquio. Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

Grande estrela capixaba do futebol mundial, Richarlison chega com moral aos Jogos Olímpicos de Tóquio. O atacante do Everton, da Inglaterra, vem de uma boa Copa América e terá a honra de endossar a camisa 10 da Seleção em busca do bi olímpico. Ele completou 24 anos em maio e foi beneficiado pela alteração do limite de idade, que normalmente é de 23 anos, por conta do adiamentos das Olimpíadas em decorrência da pandemia do coronavírus.

Na disputa do futebol são 16 seleções divididas em quatro grupos de quatro seleções. O Brasil está no Grupo D, ao lado de Alemanha, Costa do Marfim e Arábia Saudita. Ao final da primeira fase, avançam os dois melhores de cada chave. A partir daí, o torneio passa a ser eliminatório até a definição dos medalhistas. Confira os jogos do Grupo D:

  • 25 de julho (domingo) - 5h30
    Brasil x Costa do Marfim, no International Stadium Yokohama
  • 28 de julho (quarta-feira) - 5h
    Brasil x Arábia Saudita, no Saitama Stadium

ATLETISMO MASCULINO

O capixaba Paulo André Camilo se classificou para a semifinal dos 100m rasos no Mundial de Atletismo
O capixaba Paulo André Camilo disputará os 100m e o revezamento 4x100m nas Olimpíadas. Crédito: Wagner do Carmo/Cbat

Nascido no interior de São Paulo, mas criado no Espírito Santo e detentor do título de cidadão capixaba, Paulo André Camilo é a esperança de medalha para o Estado no atletismo. Ele é um dos principais nomes da equipe brasileira e vai disputar os 100m e o revezamento 4x100m. 

Nos 100m, os 16 corredores com os melhores tempos nas eliminatórias avançam para as semifinais. A partir daí, apenas os oito mais velozes classificam-se para a final. Já no 4x100m, não existe semifinal. Os oito quartetos que fizerem os melhores tempos nas eliminatórias avançam direto para a decisão.

  • 30 de julho (sexta-feira) - 23h35
    Primeira eliminatória dos 100m
  • 31 de julho (sábado) - 7h45
    Segunda eliminatória dos 100m
  • 01 de julho (domingo)
    7h15: Semifinal dos 100m
    9h50: Final dos 100m
  • 4 de agosto (quarta-feira) - 23h30
    Primeira eliminatória do revezamento 4x100m
  • 6 de agosto (sexta-feira) - 10h50
    Final do revezamento 4x100m

GINÁSTICA RÍTMICA FEMININA

A ginasta Déborah Medrado
A ginasta Déborah Medrado disputará os Jogos Olímpicos de Tóquio. Crédito: Ricardo Bufolin | CBG

Nesta modalidade, Tóquio terá capixabas em dose dupla: Geovanna Santos e Déborah Medrado representarão o Espírito Santo na busca pelo ouro olímpico. Esta será a quinta vez na história que o conjunto de ginástica rítmica disputa os Jogos Olímpicos e a equipe já contou com atletas capixabas em 2016, na edição do Rio de Janeiro.

A ginasta capixaba Geovanna Santos
A ginasta capixaba Geovanna Santos também fará parte da equipe brasileira em Tóquio. Crédito: Ricardo Bufolin/CBG

A competição acontece em apenas dois dias, com os conjuntos de todos os países se apresentam disputando as vagas nas finais. A disputa pela medalha acontece no dia seguinte. 

  • 6 de agosto (sexta-feira) - 22h
    Fase de qualificação dos conjuntos, na Ariake Gymnastics Centre
    23h30: Fase de qualificação dos conjuntos, na Ariake Gymnastics Centre
  • 07 de agosto (sábado) - 23h
    Fase final dos conjuntos, na Ariake Gymnastics Centre
    23h30: Fase final e definição de medalhas dos conjuntos, na Ariake Gymnastics Centre

HANDEBOL MASCULINO E FEMININO

Vinícius Teixeira e Alexandra Nascimento já foram convocados, mas aguardam lista definitiva
Vinícius Teixeira e Alexandra Nascimento representarão do ES no handebol em Tóquio. Crédito: Arquivo Pessoal

Chance dupla de medalha para o Espírito Santo! Nesta edição, o Estado terá representantes nas duas seleções de handebol: Vinicius Teixeira, nascido em Linhares, pelo masculino, e Alexandra Nascimento, que é de Limeira, em São Paulo, mas é outra atleta abraçada pelos capixabas, pelo feminino. 

Em ambas as categorias, a disputa funcionará com 12 seleções dividas em dois grupos de seis. Em cada grupo, os quatro melhores times garantem vagas para as quartas de final. Depois, os jogos são em formato eliminatório até a final. 

Vinicius Teixeira: 

  • 25 de julho (domingo) - 21h
    Brasil x França, no Yoyogi National Stadium
  • 28 de julho (quarta-feira) - 7h30
    Brasil x Espanha, no Yoyogi National Stadium
  • 29 de julho (quinta-feira) - 21h
    Brasil x Argentina, no Yoyogi National Stadium
  • 01 de agosto (domingo) - 7h30
    Brasil x Alemanha, no Yoyogi National Stadium

Alexandra Nascimento:

  • 24 de julho (sábado) - 23h
    Brasil x Rússia, no Yoyogi National Stadium
  • 26 de julho (segunda-feira) - 23h
    Brasil x Hungria, no Yoyogi National Stadium
  • 28 de julho (quarta-feira) - 23h
    Brasil x Espanha, no Yoyogi National Stadium
  • 31 de julho (sábado) - 4h15
    Brasil x Suécia, no Yoyogi National Stadium
  • 01 de agosto (domingo) - 23h
    Brasil x França, no Yoyogi National Stadium

JUDÔ MASCULINO

O judoca Nacif Elias, nascido em Vitória
O judoca Nacif Elias, nascido em Vitória, disputará as Olimpíadas pelo Líbano. Crédito: Divulgação

Descomplicando para o internauta: em caso de medalha, aqui teríamos uma conquista de um atleta nascido no Espírito Santo, mas que vai para o Líbano. Isso porque o judoca Nacif Elias se naturalizou libanês em 2013 e competirá pelo país, tendo sido inclusive escolhido como porta-bandeira da delegação. O lutador de 32 anos disputará a categoria até 81kg. 

Na competição, os judocas que vencerem todas as suas lutas disputam a final. Aqueles que perderem uma luta antes da final, ainda possuem chances de ir para a repescagem e, assim, tentar a medalha de bronze.

  • 26 de julho (segunda-feira)
    23h - Primeira rodada
    23h10 - Segunda rodada
  • 27 de julho (terça-feira)
    0h40 - Oitavas de final
    1h40 - Quartas de final
    5h40 - Repescagem
    6h - Semifinal até 81kg
    6h50 - Disputa do bronze até 81kg
    7h10 - Final até 81kg

VÔLEI DE PRAIA MASCULINO

O capixaba Alison Cerutti, do vôlei de praia
O capixaba Alison Cerutti, do vôlei de praia, vai disputar os Jogos Olímpicos em Tóquio. Crédito: Miriam Jeske/COB

Outra modalidade em que o Espírito Santo possui chance dupla de medalha e, inclusive, com grandes possibilidades de uma conquista, o vôlei de praia conta com Alison Ceruti, que faz dupla com Álvaro Filho, e Bruno Schmidt, natural de Brasília, mas que possui o título de cidadão capixaba, cuja dupla é Evandro.

O capixaba Bruno Schmidt, do vôlei de praia
O capixaba Bruno Schmidt, do vôlei de praia, é o outro representante capixaba nas Olimpíadas. Crédito: Miriam Jeske/COB

As 24 duplas da modalidade são divididas em seis grupos de quatro. As duas duplas melhores colocadas em cada chave avançam diretamente para as oitavas de final. Já as terceiras colocadas são comparadas em um ranking a partir de seus desempenhos durante a fase de grupos. As duas melhores destas também avançam direto para as oitavas. As outras quatro, por sua vez, disputam, entre si, jogos extras por outras duas vagas, até que sobrem 16 duplas no total. A partir das oitavas, os jogos são eliminatórios até a final.

Alison Ceruti - Grupo D:

  • 27 de julho (terça-feira) - 0h
    Alison/Alvaro x Lucena/Dalhausser (EUA), na arena Shiokaze Park
  • 29 de julho (quinta-feira) - 10h
    Alison/Alvaro Filho x Brouwer/Meeuwsen (HOL), na arena Shiokaze Park

Bruno Schmidt - Grupo E:

  • 24 de julho (sábado) - 23h
    Evandro/Bruno Schmidt x M.Grimalt/E.Grimalt (CHI), na arena Shiokaze Park
  • 27 de julho (terça-feira) - 3h
    Evandro/Bruno Schmidt x Elgraoui/Abicha (MAR), na arena Shiokaze Park
  • 30 de julho (sexta-feira) - 9h
    Evandro/Bruno Schmidt x Fijalek/Bryl (POL), na arena Shiokaze Park

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.