ASSINE

EUA e China prometem ampliar cooperação, diz agência estatal chinesa

Ambos prometeram melhorar a cooperação nos âmbitos da saúde pública e da economia

Publicado em 08/05/2020 às 07h30
Atualizado em 08/05/2020 às 07h30
Bandeira da China
Bandeira da China. Crédito: Pixabay

Negociadores comerciais da China e dos Estados Unidos conversaram por telefone nesta sexta-feira (8), prometendo criar condições favoráveis para a fase 1 do acordo comercial entre os países, afirmou a agência de notícias estatal chinesa Xinhua.

O vice-primeiro-ministro da China, Liu He, conversou com o representante comercial dos EUA, Robert Lighthizer, e com o secretário do Tesouro americano, Steven Mnuchin, na manhã desta sexta-feira (8) (horário de Pequim), segundo a Xinhua.

Os dois lados prometeram melhorar a cooperação nos âmbitos da saúde pública e da economia, e também criar condições favoráveis para que os países implementem o acordo comercial assinado em janeiro. Também foi acordado que os dois lados manterão comunicação próxima, disse a Xinhua, sem dar mais detalhes.

A ligação veio após o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçar "terminar" com o acordo se a China não comprasse bens e serviços dos EUA como prometido. 

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais
Estados Unidos China estados unidos

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.