ASSINE

Segundo semestre será laboratório de tendências para o mercado imobiliário

Além de oferecer novos formatos e até utilização de tecnologia para escolha de áreas, setor também busca manter estabilidade de lançamentos

Tempo de leitura: 9min
Publicado em 02/06/2022 às 17h34
Vista geral do Bairro Praia do Canto, em Vitória
Vista geral do bairro Praia do Canto, em Vitória: mercado imobiliário tem tido curva ascendente de vendas e lançamentos. Crédito: Ricardo Medeiros

O início do segundo semestre traz novidades nos lançamentos imobiliários, com novos produtos e formatos que devem servir como uma espécie de “laboratório” das tendências para os próximos anos. Aliado a isso, está ainda a estabilização do setor imobiliário, que desde 2020 vem em curva ascendente de vendas e lançamentos, em uma velocidade considerada saudável pelo mercado.

Para o presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis da 13ª Região (Creci-ES), Aurélio Capua Dallapicula, o segundo semestre de 2022 traz uma perspectiva animadora em termos de lançamentos. “A expectativa é muito boa para novos, pois há uma demanda reprimida. E há notícia, inclusive, de empreendimentos de alto padrão vindo para Vitória, ou seja, lançamentos de destaque para o mercado imobiliário”, avalia.

O ano de 2022 começou de uma forma mais cautelosa com relação aos anos anteriores, mas deve presenciar um aumento nos lançamentos no segundo semestre, em virtude da necessidade de se repor estoques. Ainda de acordo com Dallapicula, os imóveis estão tendo valorização maior que de aplicações normais de mercado financeiro e são excelentes investimentos para o momento e para o futuro.

O diretor da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário do Espírito Santo (Ademi-ES), Alexandre Schubert, acredita em um ritmo mais contido de lançamentos, visto que há um cenário de incertezas, mas há a necessidade sim de se repor os estoques, que ficaram bem baixos por conta da alta procura por imóveis nos últimos dois anos. E também prevê que 2022 será um ano importante para pautar os produtos que serão lançados nos próximos dois anos.

“Veremos lançamentos no segundo semestre, mas em menor intensidade, pois vivemos um cenário de certezas intensas. Por outro lado, o produto imobiliário é de longo prazo e irá atravessar esse período e teremos lançamentos com mais tecnologia embarcada. Este é um ano de estudos e os lançamentos de 2002 irão definir o que esperar do mercado para 2023 e 2024”, afirma.

Ainda de acordo Schubert, essa espécie de “laboratório” de novidades no setor tem acontecido nos lançamentos desde o ano passado. “Estamos vivendo um período de estudos e experimentações no setor, em virtude da mudança de comportamento das pessoas, que hoje querem receber os outros em casa. E também uma busca em favorecer um ambiente de mais harmonia intrafamília, repensando os espaços, onde possam conviver de forma mais harmônica dentro de suas casas”, analisa.

OPÇÃO SEGURA DE INVESTIMENTO

Apesar das perspectivas animadoras para o segundo semestre, o mercado também vê 2022 com cautela, pois, além de ser um ano eleitoral, há outros fatores que deixam um cenário mais incerto, como uma guerra na Europa e a crise de insumos, que ainda permanece e contribui para jogar o preço da construção civil para o alto.

Em um cenário permeado por inflação e juros altos, o imóvel acaba surgindo como uma opção segura de investimento. Principalmente porque a valorização imobiliária continuará acontecendo, sobretudo em regiões como Vitória e Vila Velha, que aparecem sempre entre as cidades mais valorizadas segundo o índice FipeZap.

Segundo semestre será laboratório de tendências para o mercado imobiliário
Em um cenário permeado por inflação e juros altos, o imóvel acaba surgindo como uma opção segura de investimento. Crédito: Freepik

“Acredito que teremos um 2022 com valorização moderada. Menor que em 2021, mas ainda positiva, especialmente em Vila Velha, onde os preços ainda são bem atrativos se comparados a Vitória. E isso realmente influenciará a decisão de compra em alta, mantendo a valorização”, avalia o consultor imobiliário Juarez Gustavo Soares.

O vice-presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Espírito Santo (Sinduscon-ES), Leandro Lorenzon, também compartilha a mesma visão de continuar o interesse na compra de imóveis. Para ele, apesar da redução da velocidade de lançamentos de imóveis mais populares, os de médio e alto padrão estão com uma alta demanda.

“As taxas de juros não têm demonstrado ser um problema, principalmente para a classe média, cujos lançamentos estão mais focados nela. Por outro lado, quem tem capital em renda variável deve migrar para o imóvel, pois esta é uma forma de se proteger das incertezas”, afirma Lorenzon.

Segundo semestre será laboratório de tendências para o mercado imobiliário
A utilização de dados deve influenciar a escolha de novos locais e tipos de empreendimentos. Crédito: Freepik

NOVAS FORMAS DE PENSAR O MERCADO IMOBILIÁRIO

Apesar da procura contínua por imóveis, principalmente de médio e alto padrão, o mercado imobiliário também tem se movimentando para pensar novos formatos de negócios. A utilização de dados, por exemplo, deve influenciar a escolha de novos locais e tipos de empreendimentos. Segundo o CEO da ImobiGroup, Thiago Abreu, as empresas do setor estão “mudando a matriz essencial do modelo de mercados”.

“Há um interesse grande por parte do mercado de capitais, que tem ajudado a inovar a construção civil, já que esse investimento garante a sustentação do negócio sem depender das vendas. E há o compliance imobiliário, onde construtoras e incorporadoras têm usado ferramentas para mitigar oscilações políticas e econômicas”, analisa.

ALGUNS LANÇAMENTOS

PROENG

Segundo semestre será laboratório de tendências para o mercado imobiliário
Alice Palombini Techno Home terá 29 unidades de 2 e 3 quartos. Crédito: Proeng/Divulgação

A construtora lança o Alice Palombini Techno Home, localizado em Jardim Camburi, Vitória. O empreendimento terá 10 pavimentos com 29 unidades de 2 e 3 quartos e uma cobertura. Térreo lounge café, convenience service, concierge, estação para bike elétrica e patinete elétrico. Lazer com salão de festas, espaço gourmet, piscina, deque molhado, sauna integrada à piscina e duchas.

VAZ EMPREENDIMENTOS

Branded - Espírito Santo terá primeiro condomínio-fazenda produtivo do país
A Fazenda Barão do Império será em Santa Leopoldina e terá terrenos de 1.000m² a 3.000m². Crédito: Vaz Desenvolvimento Imobiliário/Divulgaçao

Apresentado em maio, o Fazenda Barão do Império será lançado ainda em junho pela Vaz Desenvolvimento Imobiliário, em Santa Leopoldina. O empreendimento traz um conceito ainda inédito em condomínios de loteamentos, que é o agrogastronômico.

A Fazenda Barão do Império terá lotes de 1.000m² a 3.000m² de casas unifamiliares, em uma área de preservação de 550 mil m², cinco lagos e um clube privativo para os moradores. Além disso, terá uma fazenda coletiva, onde serão produzidos laticínios, ovos caipiras, geleias, verduras, mel e peixes, que serão criados nos lagos que cercam a região. Os lotes partem de R$ 250 mil, para os terrenos de 1.000m².

EMPAR

Segundo semestre será laboratório de tendências para o mercado imobiliário
O Alameda25 é o lançamento da Empar na Mata da Praia . Crédito: Empar/Divulgação

O bairro Mata da Praia foi o local escolhido para o próximo lançamento da Empar, com o Alameda25. O empreendimento tem 10 pavimentos com 62 apartamentos, divididos em lofts e unidades de um e dois quartos. O condomínio fica a poucas quadras da orla de Camburi e oferece lazer em uma área de 580m², com piscina com deque molhado e solarium, brinquedoteca, salão de festas, lounge, fitness, gourmet, churrasqueira, coworking, espaço pet, horta e delivery.

Com projeto arquitetônico assinado por Lucas Weber e projeto de interiores de Priscila Braum, o lançamento incorpora tecnologia e soluções sustentáveis, como fechadura digital em todos os apartamentos, tomadas USB, aproveitamento de águas pluviais, além de estações de recarga para veículos elétricos, de uso compartilhado.

NAZCA E ABAURRE CONSTRUTORA

Bairro Praia do Canto
Lançamento da Nazca Incorporadora e a Construtora Abaurre será ainda em junho, na Praia do Canto. Crédito: Carlos Alberto Silva

A Nazca Incorporadora e a Construtora Abaurre assinam mais um projeto na Praia do Canto, com previsão de lançamento para o mês de junho. O empreendimento terá apartamentos de 4 quartos com suíte – sendo um por andar – de 250 metros quadrados, além de opção de apartamento duplex.

A concepção da arquitetura fica a cargo da Abaurre Arquitetura. O estilo contemporâneo da construção terá projeto das arquitetas Letícia e Flávia Abaurre, e terá parceria de nomes como do paisagista paulista Alex Hanazaki – considerado um dos melhores no mundo nesse segmento – e projeto de interiores com a arquiteta Fernanda Marques que atua em São Paulo, Lisboa e Londres.

IURBAN

Segundo semestre será laboratório de tendências para o mercado imobiliário
iU.03, localizado em Jardim da Penha, é o terceiro lançamento da iUrban. Crédito: iUrban/Divulgação

A construtora iUrban lança, em novembro, o iU.03, empreendimento localizado no bairro de Jardim da Penha, em Vitória. Com acabamento de alto padrão e localização privilegiada, o imóvel terá apartamentos de 2 e 3 quartos e tipo garden.

O terceiro lançamento da construtora contará em suas áreas comuns com petwash, sala multiuso, portaria remota e lixeira seletiva, já terão isolamento acústico e térmico, fechadura digital, triturador de alimentos, nicho no box dos banheiros e cooktop a gás.

ARGO

Itapoã e Itaparica
A Argo tem previsão de lançamento de R$85 milhões em Valor Geral de Vendas (VGV) em até três meses, em Vila Velha. Crédito: Carlos Alberto Silva

A construtora tem previsão de lançamento de R$85 milhões em Valor Geral de Vendas (VGV) em até três meses. A previsão é destinar os investimentos para regiões de Vila Velha que estão em exponencial valorização imobiliária e expansão.

Para Alessandro Torezani, diretor administrativo e financeiro da Argo, as expectativas para os próximos três meses são positivas. “Planejamos investir em Vila Velha por ser uma cidade em constante crescimento e valorização, o que torna nossos empreendimentos ótimas opções para clientes e investidores. Estamos otimistas com os lançamentos que estão por vir”, reforça.

MORAR

Além da boa infraestrutura, Porto Canoa, na Serra, também inclui opções de lazer diversificadas.
Bairro de Porto Canoa irá receber o terceiro empreendimento da Morar. Crédito: Morar Construtora/Divulgação

Porto Canoa é a região escolhida para o próximo lançamento da Morar no segundo semestre deste ano. O bairro, que está em constante desenvolvimento, será palco do terceiro empreendimento da construtora, o Vista Mata da Serra Condomínio Clube. Com uma área total de mais de 14 mil m², o condomínio tem quatro torres, todas com elevador, totalizando 352 apartamentos e 352 vagas de carro.

As opções de planta contém unidades com 2 e 3 quartos, com metragens de 45,34m² a 54,53m² e opções com suítes, depósito/escritório e quarto de serviço, além de opções de plantas com quintal privativo. Tudo isso com uma estrutura completa com lazer, segurança e diferenciais de sustentabilidade.

“Fomos muito bem recebidos pela região de Porto Canoa. O bairro é muito valorizado e querido pelos moradores. Temos muito orgulho em estar contribuindo com o desenvolvimento não só da região, mas também do município da Serra”, destaca o gerente de vendas da Morar, Rafael Calazans.

LOTES CBL

Vista de Cachoeiro de Itapemirim: entre as cidades de 100 mil a 500 mil habitantes, município ficou na 30ª posição do país no ranking Connected Smart Cities 2021
Cachoeiro de Itapemirim terá o primeiro lançamento da CBL Lotes neste semestre. Crédito: PMCI/Divulgação

A loteadora está com três lançamentos programados para o segundo semestre. Um será de lotes de 300m², em Praia Grande, próximo ao mar. O segundo empreendimento, será em Linhares, com lotes a partir de 250m². E a empresa chega a Cachoeiro de Itapemirim, com o seu primeiro loteamento na cidade, com lotes a partir de 250m².

MACAFÉ

Vista aérea da pista do Aeroporto de Guarapari
Empreendimento da Macafé será em Guarapari, no meio de lagoas naturais, uma reserva florestal e próximo às praias. Crédito: Alfredo Ghidini Neto

A construtora lança, neste segundo semestre, o Vilas Amary, empreendimento localizado em Guarapari, no meio de lagoas naturais, uma reserva florestal e próximo às praias. O condomínio conta com espaços residenciais de alto padrão, com lotes a partir de 420m², infraestrutura completa incluindo um beach club exclusivo com acesso às praias de Peracanga, de Guaibura e de Bacutia.

Até agora a construtora já vendeu 270 residências no local, restando apenas 10 para compra. No projeto da Construtora Macafé, o morador escolhe o projeto da casa disponível e a recebe construída, sem custo adicional.

Outro lançamento da construtora para 2022 é o condomínio horizontal de casas Amary Flamboyant, que contará com 290 lotes de mais de 400m², também rodeado de praias, lagoas naturais e uma reserva florestal. A previsão para lançamento oficial é setembro deste ano.

RDAMÁZIO

Linhares fez espécie de parque em volta de lagoa da cidade
RDamázio lança empreendimento em Linhares e será inspirado no elemento água. Crédito: Prefeitura de Linhares/Divulgação

Está nos planos de lançamento, para o segundo semestre, três empreendimentos, sendo um deles o Isla Home Design, na parte nova do Centro de Linhares. Inspirado no elemento água, o Isla Home Design será cercado de beleza, emoção e encanto. Serão quatro tipologias de plantas. O empreendimento terá a Lagoon Pool, que trará um pedaço das lagoas de Linhares para o empreendimento.

GALWAN

Segundo semestre será laboratório de tendências para o mercado imobiliário
Residencial Jardins de Verona terá unidades de 105,70m² a 117,32m². Crédito: Galwan/Divulgação

Depois do resultado positivo do seu último lançamento, que fechou o grupo em menos de três meses, a Galwan vai lançar, neste semestre, o Residencial Jardins de Verona. Construído na região da Alameda do Amor, em Itapuã, o empreendimento terá duas torres residenciais com apartamentos de 3 quartos, com duas vagas de garagem e áreas que vão de 105,70m² a 117,32m².

Um dos diferenciais será a entrega de instalação de placas de energia solar para abastecer os equipamentos e áreas de uso comum. “A geração de energia elétrica fotovoltaica repercute diretamente na queda do valor da taxa de condomínio, pois atende elevadores e todas as demais cargas elétricas de uso comum. Além disso, é um item de sustentabilidade”, conta o diretor-presidente da Galwan, José Luís Galvêas Loureiro.

CG ENGENHARIA

Contemporâneo Residence, CG Engenharia
CG Engenharia lança segunda torre do Contemporâneo Residence, em Laranjeiras . Crédito: CG Engenharia/Divulgação

A construtora lança a segunda torre do condomínio Contemporâneo Residence, em Laranjeiras, na Serra. Com aptos de 2 e 3 quartos com suíte e até duas vagas de garagem cobertas. O empreendimento possui área lazer com salão de festas, área gourmet, área fitness, sauna com repouso, brinquedoteca, quadra de esportes, churrasqueira, piscina adulto e infantil, e playground.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais
Apartamento Mercado imobiliário Sinduscon Ademi Loteamentos Creci

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.