ASSINE

Fotografia imobiliária: acerte na hora de anunciar seu imóvel

As fotos são essenciais para atrair um comprador ou locatário em sites de imóveis on-line. Veja dicas para não errar na hora de fazer os registros

Tempo de leitura: 2min
Vitória
Publicado em 30/12/2021 às 17h28
fotografia imobiliária
Uma foto pode contribuir ou prejudicar a venda ou aluguel do imóvel. Crédito: Free-Photos/Pixabay

Um dos fatores para ter sucesso na hora de divulgar um imóvel para vender ou alugar na internet são as fotos publicadas. Quem nunca se deparou com anúncios onde as fotos desvalorizavam a propriedade? Erros como casas sujas, móveis fora do lugar e ambientes com paredes quebradas são algumas das causas que podem levar um comprador ou locatário a desistir da negociação.

Para ajudar o proprietário do imóvel a valorizar cada ambiente e a alavancar as procuras nos sites, profissionais alertam para a importância de se fazer um bom registro. “A fotografia, sem dúvida, ajuda muito na hora de anunciar. Estar atento aos detalhes e aos diferenciais do imóvel é fundamental”, afirma o fotógrafo Rodrigo Gavini.

Veja abaixo algumas orientações para caprichar na hora de fazer os registros:

  1. A Gazeta - 6sloajzh
    01

    FIQUE ATENTO AOS DIFERENCIAIS DO SEU IMÓVEL

    Caso o seu imóvel tenha uma churrasqueira, piscina, jacuzzi ou alguma área de lazer, é imprescindível que você tenha uma boa foto desses itens. Parece óbvio, mas é muito comum as pessoas esquecerem de fotografar esses locais que fazem muita diferença para um comprador ou locatário na hora de investir no imóvel.

  2. A Gazeta - zj1qz
    02

    ATENÇÃO À LIMPEZA E ORGANIZAÇÃO DO AMBIENTE

    Procure sempre fotografar o ambiente limpo e organizado. Uma sala com móveis organizados é muito mais chamativa do que uma sala vazia. O futuro comprador deve se imaginar sentado no sofá, vendo TV na sala. Cuidado em especial com a limpeza e a organização do banheiro e da cozinha. Esses são lugares que costumam ser um fator determinante na hora de vender ou alugar. Caso o imóvel esteja vazio, é importante tirar uma foto que mostre a amplitude do local.

  3. A Gazeta - riq157zyai
    03

    ILUMINAÇÃO

    Escolha a hora certa para fazer as fotos, evite horários com o sol muito forte. O sol dá uma diferença  entre a iluminação de dentro e de fora do imóvel. Neste caso, é possível que o interior fique escuro e o exterior claro demais. Busque fotografar no início da manhã ou no final da tarde e sempre que possível, acenda as luzes. Caso você esteja fotografando com uma câmera fotográfica, utilize o flash. Evite fotografar com o celular virado para frente, e se possível rebata a luz em uma superfície branca, para que ela fique mais suave e homogênea, preenchendo melhor todo o ambiente.

  4. A Gazeta - v1vu5646
    04

    ESCOLHA BONS ÂNGULOS

    Ande pelo ambiente e veja qual o melhor ângulo para fotografar. Evite registrar áreas muito de cima ou muito de baixo. Busque uma visão que um futuro comprador terá enquanto caminha pelo imóvel. Ter uma foto da porta de entrada de cada cômodo é interessante, pois essa será a primeira visão que um comprador terá quando visitar o imóvel.

  5. A Gazeta - l4setz
    05

    CUIDADO COM A QUALIDADE DA FOTO

    Fotos tremidas ou desfocadas não agregam valor ao imóvel. Preze sempre pela qualidade. Se você estiver fotografando com um celular, procure sempre usar a lente traseira da câmera, já que esta possui uma qualidade melhor. Lembre-se de que uma foto ruim pode não trazer o resultado esperado.

SUPORTE NA HORA DE FOTOGRAFAR

Para obter um melhor resultado nas imagens, o fotógrafo Rodrigo Gavini recomenda utilizar um tripé. “Quando fotografamos interiores, é comum as fotos saírem tremidas. Isso se deve ao fato de que, normalmente, ambientes internos têm uma luz muito fraca. A câmera faz essa compensação, diminuindo muito o tempo de captura da luz ambiente. Isso faz com que qualquer movimento, por mínimo que seja, interfira na captura da imagem gerando fotos tremidas”, explica.

As lentes também são fatores importantes para se obter um bom registro. O fotógrafo recomenda, se possível, utilizar lentes grandes angulares. Essas lentes têm a capacidade de captar um ângulo de visão mais amplo do que o olho humano, conseguindo em uma única imagem, fotografar o cômodo todo. Porém, você é preciso ficar atento, porque esse tipo de lente costuma “distorcer” as laterais das fotos.

Mesmo com todas as dicas, se o proprietário ainda tiver dificuldade para fazer registros que valorizem o imóvel,  o presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis da 13ª Região/ES (Creci-ES), Aurélio Capua Dallapicula, orienta que o cliente faça o anúncio do imóvel com a assessoria de um profissional corretor de imóveis regularizado no Creci de sua região. Esse profissional poderá orientá-lo com técnicas para não cometer excessos e erros, além de filtrar contatos e oferecer segurança nas transações imobiliárias.

"As mudanças na área de tecnologia são constantes e somente o profissional da área terá o devido preparo e competência para agir nesse campo, daí a importância de uma boa escolha do profissional. Na hora de mostrar um imóvel, a fotografia tem que ser de boa qualidade, ter uma boa resolução. O Creci-ES fornece vários cursos on-line e gratuitos para o corretor de imóveis, orientando-o sobre temas importantes, entre esses o curso de como realizar fotografias imobiliárias, próprio para o corretor postar as suas fotos com qualidade, sem excessos", explica o presidente.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais
aluguel decoracao imóveis Fotografia Mercado imobiliário Imóveis Creci

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.