ASSINE

Bolsa Família: leitores opinam sobre mudança de postura de Bolsonaro

Crítico feroz do programa quando era deputado federal, o presidente agora é favorável à ampliação do benefício que atende as camadas mais pobres da população

Publicado em 28/08/2020 às 12h02
Atualizado em 28/08/2020 às 12h55
Beneficiária mostra cartão do Bolsa Família
Beneficiária mostra cartão do Bolsa Família. Crédito: Jefferson Rudy

A defesa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) mostram uma guinada na opinião do político sobre programas sociais, especialmente o Bolsa Família. Quando era deputado federal, afirmou por diversas vezes que o benefício criados pela gestão Lula funcionava como um sistema de compra de votos e defendeu seu fim. Agora, quer estender o auxílio e renomeá-lo para Renda Brasil.

A mudança de posicionamento surgiu ainda na corrida presidencial, o risco que suas críticas aos benefícios poderiam causar. Mas a guinada veio mesmo com a popularidade alcançada por Bolsonaro com criação do auxílio emergencial de R$ 600, para contornar os impactos econômicos da pandemia do novo coronavírus. 

A ampliação do Renda Brasil, no entanto, ainda enfrenta obstáculos. Na quarta-feira (26), o presidente disse que recusou a proposta de reformulação do Bolsa Família. O ministro da Economia, Paulo Guedes, pretendia extinguir benefícios como o seguro-defeso e o programa Farmácia Popular para conseguir aumentar o valor do novo programa. "Não posso tirar de pobres para dar para paupérrimos", disse Bolsonaro.

A postura de Bolsonaro em relação ao Bolsa Família foi bastante debatida pelos leitores de A Gazeta. Enquanto alguns criticam as contradições do presidente e o acusam de oportunismo, outros elogiam a mudança de opinião, afirmando que a ampliação do programa é bem-vinda neste momento de crise.

Vergonha. Bolsonaro criticou tanto alguns programas do governo petista e agora está criando programas parecidos, copiando o que o PT fez, mas falando que é diferente. O cara não tem inteligência nem criatividade nenhuma pra criar coisas novas. (Ramon Moraes)

Bolsonaro nunca foi a favor de Bolsa Família, ele já deixou claro,mas também nunca disse que iria cortar. Ampliar não quer dizer que ele mudou de ideia. O momento de crise que o país vem passando faz com que ele mude os planos e com razão e tem o apoio da maioria dos brasileiros. (Azilvarnario Messias de Oliveira)

Um governo totalmente sem rumo, que só sabe inaugurar obras e copiar programas do PT. (Jaime Reis)

Vocês, críticos de Bolsonaro, são cegos? Ou só ridículos? Ele pode até estar aproveitando alguns projetos passados, porém ele sabe como fazer. E outra coisa: ele não está roubando como governos passados. Vocês são ridículos e não têm argumentos, duvido que alguns de vocês não estão se beneficiando do governo de Bolsonaro. Admitam, o cara é bom! (Luciana Alves Carvalho)

Bolsonaro marca a sua história como uma pessoa que vive em contradições, quase um bipolar… Triste realidade. (Wagner Toniato)

Será que ele está reconhecendo que se ele não aumentar o Renda Brasil muitas crianças vai passar fome? No passado as pessoas tinham emprego, vários meios de trabalhar, e agora com essa pandemia o que têm? Põe a mão na consciência, gente, tem muita gente passando aperto por aí! O governo sabe disso! Ele tem que ajudar mesmo! (Maria da Penha Silva Manthaya)

Esse incompetente não sabe criar nada, até agora não começou nem uma obra importante, só está inaugurando as obras que Lula e Dilma deixaram com 97% concluídas, e fica copiando o que o Lula criou e que ele e seus eleitores viviam criticando. (Alzenita Pereira)

Ele falava que não se preocupava com a reeleição também. Esse cara só engana quem quer ser enganado. (Tatiane Pimenta)

Que bom! O governo petista poderia ter aumentado também na época, inclusive colocado mais um milhão de beneficiários + 13º parcela! Adivinha por que eles não o fizeram? (Felipe Stieg)

Importante essa sintonia do presidente com seus ministros… (Clelton Piancó)

Nunca é tarde para corrigir nossos erros. Faça assim também que a vida vai se tornar melhor pra você também. (Juvenal Puco Duarte Neto)

Bolsonaro viveu a vida toda com dinheiro público e nunca se preocupou… (Diego Henrique)

E o que é justo neste país? Por exemplo, os políticos têm salários enormes e ainda têm todos os auxílios para viver, aí vem falar que auxílio é endividamento? O auxílio emergencial vai acabar, mas esse monte de auxílios que o povo paga para esse bando de políticos a vida inteira vai acabar quando? (Marlete Correia)

Mas dinheiro para banco tem? Que tal taxar as grandes fortunas? Cortar as próprias regalias. O Brasil tem dinheiro sim, mas infelizmente só tem dinheiro para rico. (Hortencia Pagung)

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.