ASSINE

Prefeituras no ES começam a pagar abono a servidores; veja datas e valores

Em Vila Velha o dinheiro já cai na conta nesta sexta-feira (14). Em Vitória, Serra e Linhares o benefício será pago nas próximas semanas

Tempo de leitura: 4min
Colatina
Publicado em 14/01/2022 às 15h07

Os servidores de algumas prefeituras do Espírito Santo vão receber um dinheiro a mais na conta neste mês de janeiro. Os municípios da Grande Vitória e do interior já começam a pagar o abono salarial para os trabalhadores. Os valores chegaram a R$ 15 mil para os servidores da Educação, e variam de R$ 2 mil a R$ 2,5 mil para os demais trabalhadores.

Dinheiro do auxílio emergencial, benefício concedido pelo Governo Federal durante a pandemia do novo coronavírus.
Dinheiro do auxílio emergencial, benefício concedido pelo Governo Federal durante a pandemia do novo coronavírus. Crédito: Siumara Gonçalves

Em Vila Velha o dinheiro já cai na conta nesta sexta-feira (14). Em Vitória, Serra e Linhares o benefício será pago nas próximas semanas. Já para os servidores de Fundão ele só deve começar a ser pago em fevereiro.

Os valores de abono mais altos pagos no Estado foram em municípios da região Sul e aconteceram ainda em dezembro de 2021. Em Ibatiba, 132 professores efetivos e 117 contratados receberam até R$ 15 mil. Já em São José do Calçado, 116 professores do município receberam cerca R$ 10 mil a mais na conta.

Veja como ficam os pagamentos para os servidores em outras cidades do Estado:

VILA VELHA

Os servidores da Saúde do município de Vila Velha serão contemplados nesta sexta-feira (14) com um abono salarial no valor de R$ 2 mil. Também vão receber 2.335 pessoas do setor administrativo e 2.515 aposentados e pensionistas. Esses terão abono salarial no valor de R$ 1.250

Os professores da rede pública municipal não entram nesta lista, pois já receberam o abono salarial de R$ 5.200 em dezembro do ano passado. Foram mais de R$ 20 milhões repassados pela Prefeitura de Vila Velha aos 3,8 mil professores da rede municipal.

O abono para os trabalhadores do magistério foi possível, segundo a prefeitura, devido ao ajuste do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb). Com a nova legislação, o gasto mínimo com a remuneração dos professores passou de 60% para 70%. Vila Velha vinha atuando com a média de 64%, o que permitiu a concessão do abono.

VITÓRIA

A Prefeitura de Vitória começa a pagar o abono de R$ 1 mil a partir do dia 17 de janeiro. Ao todo, 16.532 servidores serão contemplados, inclusive aposentados e pensionistas. São 10.713 ativos, 4.721 aposentados e 1.098 pensionistas. O município informou que prefeito, vice-prefeita e secretários não recebem.

O valor é pago com recurso próprio da administração, informou a prefeitura. O benefício só foi possível graças à redução de 50% no número de cargos comissionados e ao corte de privilégios, que resultaram em uma economia de aproximadamente R$ 100 milhões com a folha de pagamento somente em 2021.

Os profissionais da Saúde e Educação já receberam os valores em dezembro. Além do abono, 4.798 servidores da Educação receberam o bônus de desempenho, um total de R$ 13,5 milhões em  investimento.

SERRA

Os 11.957 servidores da Prefeitura da Serra vão receber um abono de R$ 1,2 mil. O pagamento deve ser feito entre os dias 17 e 21 deste mês, de acordo com a Secretaria de Administração e Recursos Humanos. Do total de beneficiados, 8.075 são servidores ativos e 3.252 são inativos e pensionistas.

 A Câmara da Serra também aprovou o reajuste do tíquete de R$ 350 para R$ 525. Os benefícios foram anunciados em dezembro pelo Executivo municipal.

LINHARES

A Prefeitura de Linhares vai pagar o abono de R$ 1 mil para todos os servidores públicos, que será creditado no tíquete alimentação, previsto para o dia 30 de janeiro.

O benefício abrange todos os servidores ativos do Executivo, além de aposentados e pensionistas do município. Também serão contemplados os funcionários das estatais municipais, que são o Serviço Autônomo de Água e Esgoto e a Faculdade de Ensino Superior de Linhares. Para os aposentados e pensionistas, o abono será creditado na folha de pagamento.

FUNDÃO

No município de Fundão, os servidores vão precisar esperar. Isso porque a proposta de abono salarial ainda precisa passar por votação na Câmara de Vereadores do Município, o que só deve ocorrer em fevereiro. Se aprovados, os pagamentos começam a ser feitos até o fim do mesmo mês.

A administração municipal informou que os valores que constam na proposta são de R$ 2,5 mil para os servidores da Saúde, e R$ 2 mil para os demais trabalhadores.

CARIACICA

Todos os servidores da Prefeitura de Cariacica já receberam abono de R$ 1 mil no último dia 12 de janeiro. Ao todo, 4.264 servidores foram contemplados, sendo 2.908 ativos e 1.356 inativos (aposentados e pensionistas).

Em dezembro de 2020, a prefeitura concedeu um abono de R$ 5 mil para os professores da rede municipal.  O executivo municipal informou que o benefício foi viabilizado pela mudança do percentual do Fundeb a ser aplicado em pessoal. Por isso, esses profissionais não estão incluídos na lista de servidores contemplados com o abono de R$ 1 mil.

COLATINA

Em Colatina 1,3 mil servidores da Educação também já receberam em dezembro um abono de até R$ 5 mil reais, com recursos oriundos do Fundeb.

Já para os demais servidores foi pago um tíquete extra no dia 12 deste mês.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.