ASSINE

Policial militar é ferido com um tiro na cabeça em Vila Velha

O PM foi ferido durante uma troca de tiros durante patrulhamento realizado em Barramares onde nove foram detidos

Publicado em 02/05/2021 às 13h34
Viatura da Polícia Militar
Viatura da Polícia Militar . Crédito: Carlos Alberto Silva

Um policial militar levou um tiro na cabeça, na madrugada deste domingo (03), durante um patrulhamento que estava sendo realizado no bairro Barramares, em Vila Velha.  Na ocasião, dois suspeitos também foram atingidos. Nove pessoas foram detidas na operação.

De acordo com o subtenente Gomes, da 13ª Companhia Independente da Polícia Militar, o policial faz parte da Força Tática, e no momento em que foi ferido fazia  em patrulhamento na região.

“A equipe da Força Tática foi até o local após receber uma denúncia de que criminosos armados estavam na região. Ao chegar no bairro, os policiais identificaram 10 suspeitos, três deles estavam armados. Os policiais deram ordem para que os suspeitos se entregassem, mas além de não obedecerem, os criminosos começaram a atirar contra a guarnição, que revidou a injusta agressão”, explicou o subtenente Gomes.

O subtenente contou ainda que na sexta-feira (30) ocorreu uma troca de tiros entre traficantes na região. “Aconteceu essa troca de tiros entre eles, e na madrugada deste domingo (02) a equipe foi acionada, já que eles estariam novamente no local que é considerado coração do tráfico, em Barramares”, explicou.

Gomes informou ainda  que após  ser baleado, o policial foi socorrido e  uma equipe de reforço chegou ao local. “Enquanto ele era socorrido por outros policiais, uma guarnição chegou para prestar apoio. Os bandidos tentaram fugir, mas se depararam com a viatura já em outra rua”.

Ainda de acordo com Gomes, um suspeito foi atingido na mão e outro foi ferido com um tiro na perda. “Um deles segurava uma pistola calibre 380 e foi atingido na mão que segurava a arma, ele segue hospitalizado. Já o segundo levou um tiro de raspão na perna, este estava com uma pistola nove milímetros, também foi socorrido e liberado pelos médicos, e autuado”.

SALVO POR MILAGRE 

O subtenente Gomes, da 13ª Companhia Independente da Polícia Militar, relatou que considera a situação do policial um milagre. “Da forma que aconteceu, ele estar vivo é um milagre”.

Dos 10 suspeitos, nove foram detidos. Armas, drogas e cinco rádios comunicadores foram apreendidos. A ocorrência continua em andamento.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.