ASSINE

Pensionista é agredida com coronhada na cabeça em Cachoeiro

Suspeitos invadiram a casa dela e depois fugiram levando uma televisão. Até o momento, eles ainda não foram presos

Tempo de leitura: 2min
Cachoeiro de Itapemirim
Publicado em 02/07/2022 às 19h18

Uma pensionista de 84 anos foi agredida durante um assalto na noite de sexta-feira (1º) na localidade de Tijuca, zona rural de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado. Os suspeitos fugiram levando uma televisão e não foram localizados, até o momento.

Vitória
Polícia Militar faz buscas na região, mas não localizou os suspeitos . Crédito: Hélio Filho/Secom

De acordo com a Polícia Militar, os suspeitos estavam armados e invadiram a casa da pensionista por volta das 20h25. Ela estava sozinha em casa e eles começaram a pedir dinheiro para a vítima. Como ela não tinha, foi agredida com uma coronhada na cabeça.

Ainda segundo informações da PM, os dois homens levaram uma televisão. Eles saíram do local a pé e viram um morador e atiraram na direção dele, mas ninguém se feriu. Buscas foram realizadas, mas ninguém foi preso.

Durante conversa com o repórter Gustavo Ribeiro, da TV Gazeta, uma familiar da vítima, que preferiu não se identificar, contou que a senhora foi socorrida logo após o crime. Ela foi encaminhada para um hospital particular de Cachoeiro, foi atendida, recebeu pontos e foi liberada. Hoje pela manhã, ela estava na casa de uma filha.

Por meio de nota a Polícia Civil informou que em casos em que não há flagrante, como este, a vítima deve registrar o fato junto à Polícia Civil, e só é possível verificar a tramitação através do boletim de ocorrência registrado pela vítima. Caso não o possuam um boletim para que possamos localizar, segue a orientação:

A Polícia Civil orienta que as vítimas desse tipo de caso registrem a ocorrência podendo comparecer pessoalmente a uma delegacia ou realizar o registro por meio da Delegacia Online, https://delegaciaonline.sesp.es.gov.br , para que a Polícia Civil tome ciência do caso e inicie as investigações.

Este vídeo pode te interessar

A Polícia Civil destaca que a população tem um papel importante nas investigações e pode contribuir com informações de forma anônima através do Disque-Denúncia 181, que também possui um site onde é possível anexar imagens e vídeos de ações criminosas, o disquedenuncia181.es.gov.br. O anonimato é garantido e todas as informações fornecidas são investigadas. O 190 deve ser acionado em caso de crime em andamento.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.