ASSINE

Mulher é morta com golpes de facão e ex-marido é suspeito em Colatina

Rosimar dos Santos da Cruz, 31 anos, foi assassinada com golpes de facão no pescoço na frente dos próprios filhos. Segundo uma irmã da vítima, o crime aconteceu quando o homem foi entregar as crianças para a mãe

Colatina
Publicado em 11/01/2021 às 10h25
Atualizado em 11/01/2021 às 10h43
  A vítima identificada como Rosimar dos Santos da Cruz, 31 anos, foi assassinada com golpes de facão no pescoço na frente dos próprios filhos em Colatina
A vítima identificada como Rosimar dos Santos da Cruz, 31 anos, foi assassinada com golpes de facão no pescoço na frente dos próprios filhos em Colatina . Crédito: Acervo Familiar

Uma mulher foi assassinada violentamente na noite deste domingo (10) na zona rural de Colatina, no Noroeste do Espírito Santo. A vítima, identificada como Rosimar dos Santos da Cruz, 31 anos, foi morta com golpes de facão no pescoço na frente dos próprios filhos. Segundo uma irmã da vítima, o crime aconteceu quando Rosimar foi entregar as crianças para o ex-marido. A Polícia Militar informou que ele é suspeito do crime e que ainda não foi localizado.  

De acordo com a PM, o crime aconteceu em uma fazenda, na localidade de Duas Vendinhas. Quando chegaram ao local, os militares encontraram a vítima caída no chão, com o corpo cheio de sangue e com um corte no pescoço. Equipes de resgate foram acionadas e verificaram a morte da mulher no local.

O suspeito de cometer o crime foi identificado como Marcelo Vieira Cravo Stancini. A foto dele foi encaminhada para a reportagem por familiares da vítima. A foto e a identidade do suspeito foram confirmadas pelo capitão Carlos Balbino, comandante da 1ª Companhia do 8º Batalhão, que afirmou que a PM está procurando por Marcelo.

O suspeito de cometer o crime foi identificado como Marcelo Oliveira Cravo
O suspeito de cometer o crime foi identificado como Marcelo Cravo. Crédito: Divulgação

Para os policiais, uma irmã da vítima contou que Rosimar estava separada do marido e que eles tinham uma relação muito conturbada. Ela relatou que após cometer o crime o homem fugiu para um matagal próximo. O suspeito ainda não foi localizado.

Rosimar ficou casada com Marcelo por 15 anos, e estavam separados há quatro meses. A Polícia Militar disse que no ano passado o ex-marido registrou uma ocorrência na polícia, informando que a mulher tinha saído de casa. A polícia informou ainda que não tem nenhum registro ou histórico de agressão por parte do suspeito.

Em nota, a Polícia Civil informou que o caso foi registrado como feminicídio e segue sob investigação da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Colatina. A polícia salientou que diligências estão em andamento e, até o momento, nenhum suspeito foi detido.

Mulher foi assassinada no quintal
Mulher foi assassinada no quintal . Crédito: Heriklis Douglas

Atualização

11 de Janeiro de 2021 às 10:43

Após a publicação desta matéria,  a reportagem confirmou com o capitão Carlos Balbino, comandante da 1ª Companhia do 8º Batalhão, a foto e identidade de Marcelo Vieira Cravo Stancini, suspeito de assassinar a ex-mulher. As informações foram inseridas no texto.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.