ASSINE

Morte em igreja: mulher é presa por planejar crime em Cariacica

Uilton Meira de Oliveira Junior foi morto a tiros em janeiro deste ano no bairro Novo Brasil. Segundo a polícia, rapaz morreu por rixa envolvendo ciúmes e tráfico de drogas

Publicado em 23/09/2021 às 16h31
O adolescente Uilton Meira de Oliveira Júnior foi morto em janeiro deste ano em Cariacica, aos 16 anos de idade. Crédito: Arquivo | A Gazeta
O adolescente Uilton Meira de Oliveira Júnior foi morto em janeiro deste ano em Cariacica, aos 16 anos de idade. Crédito: Arquivo | A Gazeta

Uma jovem de 19 anos, apontada como responsável por planejar o assassinato de Uilton Meira de Oliveira Junior, de 16 anos, foi presa na tarde desta quarta-feira (22) no bairro Novo Brasil, em Cariacica. O adolescente foi baleado em janeiro deste ano em uma rua do mesmo bairro e, ao tentar se abrigar, acabou morrendo dentro de uma igreja da região.

O titular da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) de Cariacica, Eduardo Khaddour, explicou que as investigações apontaram que a jovem agiu junto da irmã de 21 anos. Além delas, outras nove pessoas foram identificadas como coautoras no crime, sendo que sete já foram presas. Segundo o delegado, dois fatores motivaram o homicídio: ciúmes e tráfico de drogas.

Eduardo Khaddour

Titular da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) de Cariacica

"A namorada do adolescente tinha ciúmes e problemas com a acusada. Além disso, a família da suspeita era rival da organização criminosa a qual o jovem pertencia. Essas duas razões foram a motivação do crime"

De acordo com a Polícia Civil, as irmãs sabiam que o Uilton e a namorada estavam em casa na noite do crime. "Elas chegaram à residência com os demais suspeitos em dois carros. Ao ver a ação, o casal empreendeu fuga, mas os criminosos perseguiram o rapaz e o mataram a tiros", detalhou.

Após ser detida no mesmo bairro onde o assassinato aconteceu, a jovem de 19 anos foi levada para a DHPP de Cariacica. Ela foi presa preventivamente e encaminhada ao Centro de Triagem de Viana. "Os trabalhos continuam para prender a irmã da acusada e os outros dois foragidos", garantiu a PC.

PEDIU PERDÃO ANTES DE MORRER: RELEMBRE O CASO

O adolescente Uilton Meira de Oliveira Junior, de 16 anos, foi morto a tiros durante a noite de 4 de janeiro deste ano, na Rua Rondônia, que fica no bairro Novo Brasil, em Cariacica. Segundo informações obtidas pela TV Gazeta à época, os tiros teriam acontecido por volta das 21h, perto da Igreja Deus é Amor.

Adolescente morreu dentro da Igreja Deus é Amor, no bairro Novo Brasil, em Cariacica. Crédito: Reprodução | TV Gazeta
Adolescente morreu dentro da Igreja Deus é Amor, no bairro Novo Brasil, em Cariacica. Crédito: Reprodução | TV Gazeta

Amigos do adolescente contaram à reportagem que cerca de oito homens chegaram armados, roubaram celulares e procuravam por um rapaz que não seria o Uilton. No entanto, como não o teriam encontrado, decidiram atirar e "matar qualquer pessoa". Tudo aconteceu logo após o término de um culto.

À frente da igreja, o pastor Alessandro Cláudio Neves disse que o rapaz pediu perdão antes de morrer. "Foi tudo muito rápido. Ele só me disse 'Me perdoa por tudo que eu fiz' e morreu", contou. No momento em que o jovem entrou baleado, cerca de dez pessoas ainda estavam no local e ficaram em pânico.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Assassinato Cariacica Dhpp Polícia Civil ciumes homicídio tráfico de drogas

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.