ASSINE

Homem esfaqueia a própria tia por mais de 20 minutos em Vila Velha

O suspeito desferiu vários golpes de faca na mulher até a chegada dos militares, que precisaram disparar balas de borracha e choques elétricos contra ele. Familiares relatam que o homem seria esquizofrênico

Publicado em 20/10/2020 às 22h33
Atualizado em 21/10/2020 às 14h14
Homem é atendido por agentes do Samu, rodeado de policiais militares
Homem de 32 anos esfaqueou a própria tia várias vezes na noite desta terça (20) em Vila Velha. Crédito: Carolina Monteiro

Um homem de 32 anos atacou sua própria tia de 57 anos com uma faca na noite desta terça-feira (20) no bairro Alvorada, em Vila Velha. Ele teria esfaqueado a vítima por cerca de 20 a 30 minutos, até que vizinhos ouviram os gritos e chamaram a polícia. Os militares precisaram disparar tiros de bala de borracha e utilizar uma arma de choque para fazer com que o suspeito parasse com a agressão.

De acordo com familiares, o homem que esfaqueou a tia seria esquizofrênico. Ele mora na casa onde o crime aconteceu com o pai e o tio, e duas tias dele estavam no local para recolher pertences da avó, que faleceu há cerca de três semanas.

Polícia Militar afirmou que a outra tia também foi atacada pelo rapaz, mas sofreu apenas ferimentos leves. Já a mulher de 57 anos ficou gravemente ferida, recebeu atendimento médico em uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e foi levada para um hospital. O suspeito ainda teria desferido golpes de faca contra ele mesmo e também foi atendido pelas equipes médicas no local.

O suspeito e a tia foram encaminhados para o Hospital São Lucas, em Vitória. O homem foi levado com escolta policial, pois responderá por tentativa de homicídio. Já a vítima permanecerá internada no hospital.

AÇÃO DA POLÍCIA

Em nota, a Polícia Militar informou que na noite dessa terça-feira (20), militares da Força Tática foram acionados para atender uma ocorrência de tentativa de homicídio por arma branca no bairro Alvorada, em Vila Velha. No local foi possível ouvir o som das agressões que eram proferidos por um indivíduo contra sua tia e ficou evidente a necessidade de uma intervenção imediata.

A equipe entrou na residência, sendo possível avistar o agressor que se encontrava com a faca na mão sobre a sua tia, que já apresentava um grande sangramento devido aos golpes de facas. Nesse momento, foi iniciada uma conversa com o indivíduo, mas ele não respondia, ameaçando, novamente, atacar a vítima. Foram feitos disparos com arma de choque contra o agressor, mas ele continuou com a posse da arma branca, então foi necessário realizar disparos de elastômero, mas, mesmo assim, ele continuava com a faca, por isso, tendo em vista que a vida da vítima estava em risco, foi preciso efetuar disparos de arma de fogo contra a mão do agressor, que acabou soltando a faca e foi imobilizado.

No local foi identificada outra vítima que também tinha sido esfaqueada. O Samu foi acionado, levando as vítimas e o agressor para o atendimento médico. A arma do crime foi apreendida. A ocorrência foi registrada na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher da Região Metropolitana.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.