ASSINE

Homem é preso com R$ 1 mil em notas falsas em Linhares

Polícia Civil investiga se há relação entre este caso e com um parecido em Rio Bananal, onde dois homens foram detidos pelo mesmo crime

Tempo de leitura: 2min
Linhares
Publicado em 26/01/2022 às 13h08
Pacote de dinheiro falso som
As cédulas falsas foram apreendidas pela polícia no momento em que eram retiradas nos Correios. Crédito: Divulgação/Polícia Civil

Um homem foi preso pela Polícia Militar com um pacote contendo R$ 1 mil em notas falsas. A prisão ocorreu no momento em que ele retirava o material de uma agência dos Correios de Linhares, no Norte do Estado, na tarde desta terça-feira (25). O indivíduo relatou à polícia que pagou R$ 200,00 para receber a quantia falsificada.

Polícia Civil investiga se o caso tem relação com o de Rio Bananal, onde dois homens foram presos com um total de R$ 340,00, no mesmo dia, e outros dois são suspeitos do mesmo crime.

Segundo o titular da Delegacia Regional de Linhares, Fabrício Lucindo, a origem do dinheiro pode ser a mesma. “O elemento de Linhares diz que não conhece o de Rio Bananal, porém o dinheiro pode ter a mesma origem. Existem indicativos de que nos dois casos, os criminosos receberam o dinheiro pelos Correios”, explicou Lucindo para a TV Gazeta Norte.

Este vídeo pode te interessar

O delegado suspeita que cerca de R$ 3 mil em cédulas falsas estão em circulação pelas ruas de Rio Bananal. A orientação para os comerciantes e a população é procurar a Polícia Civil caso receba uma delas. “O crime lesa os comerciantes, dando prejuízo ao comércio local e aos consumidores também”, diz o delegado. 

A pena prevista para o crime de uso de moeda falsa pode ser entre 3 a 12 anos. Os três presos, nas duas cidades, foram autuados em flagrante e permanecem à disposição da Justiça.

Para quem tem dúvidas de como identificar uma nota verdadeira, há alguns detalhes para ficar atento. Quando a cédula é colocada contra a luz, algumas marcas aparecem. Em uma nota de R$ 100, o valor da nota aparece em um quadrinho no lado esquerdo. Ela tem também a marca d’água de um peixe e um fio escuro de segurança que fica na parte central da nota.

*Com informações de Eduardo Dias, da TV Gazeta Norte

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.