Entregador de lanches de 17 anos usava o trabalho para o tráfico no ES

O rapaz foi apreendido com 10 quilos de maconha; segundo a polícia, o jovem utilizava a lanchonete como fachada para a atividade criminosa

Vitória
Publicado em 15/01/2021 às 19h52
Foto dos 10 kg de maconha apreendidos pela Polícia Civil
Adolescente usava trabalho de entregador de comida como fachada para guardar drogas. Crédito: Divulgação/Polícia Civil

Um adolescente de 17 anos foi apreendido com dez quilos de maconha no bairro Jardim do Vale, em Vila Velha, nesta sexta-feira (15). Segundo a Polícia Civil, ele utilizava a ocupação de entregador de comida como fachada para disfarçar o trabalho de entrega de drogas para traficantes da Grande Vitória.

O delegado-chefe do Departamento Especializado de Narcóticos (Denarc) afirmou que a polícia recebeu uma informação de que o adolescente utilizava o trabalho em uma lanchonete como fachada para guardar e fazer a entrega das drogas. Durante a investigação no local, o jovem chegou com uma mochila contendo os papelotes de maconha.

"Ao realizarem diligências no local, os policiais verificaram quando o adolescente chegou no comércio de lanches com uma mochila. Após a abordagem, os policiais lograram êxito em encontrar em poder do adolescente 10 quilos de maconha e duas balanças de precisão”, disse o delegado.

A polícia informou que, contra o adolescente, foi redigido um boletim de ocorrência circunstanciado por crime análogo ao tráfico de drogas. Ele foi reintegrado à família e a Polícia Civil continuará as investigações para identificar e localizar o dono das drogas apreendidas.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.