ASSINE

Detento morre após sofrer queda no Complexo de Xuri, em Vila Velha

De acordo com a Secretaria de Justiça, o interno nascido em 1983 caminhava em direção à cela quando caiu, batendo com a cabeça contra o chão. Perícia da Polícia Civil foi acionada para a remoção do corpo

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 22/11/2021 às 12h34
Complexo do Xuri, em Vila Velha
O detento morreu dentro de um dos presídios do Complexo de Xuri, que fica em Vila Velha, na manhã desta segunda (22). Crédito: Ricardo Medeiros

Um detento do sistema prisional capixaba morreu após sofrer uma queda dentro do Centro de Detenção Provisória de Vila Velha (Complexo de Xuri), na manhã desta segunda-feira (22). A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado da Justiça à reportagem de A Gazeta.

Em nota enviada pela assessoria de comunicação, a Sejus informou que o interno sofreu uma queda a caminho da cela, vindo a óbito. Ainda segundo a comunicação da pasta, o interno nascido em 1983 (37/38 anos) bateu com a cabeça no chão após cair. A causa da morte e as circunstâncias da queda, porém, indicarão a causa do óbito.

"A unidade prisional acionou a Polícia Civil e tomou todas as providências de praxe para o ocorrido", diz outro trecho do comunicado. Por fim, a Sejus explicou que o interno cumpria pena desde janeiro deste ano pelo artigo 157 do Código Penal (roubo).

Este vídeo pode te interessar

Em nota, a PC informou que foi ao local e recolheu o corpo, que foi encaminhado para o Departamento Médico Legal (DML) de Vitória a fim de ser necropsiado e, posteriormente, liberado aos familiares.

Atualização

22 de Novembro de 2021 às 16:45

A Polícia Civil informou que esteve no Complexo de Xuri e que o corpo do detento foi levado para o Departamento Médico Legal de Vitória. O texto foi atualizado.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.