Bandidos fingem ser entregadores de flores para invadir casa em João Neiva

Dos três ladrões, dois foram presos e um deles continua sendo procurado pela Polícia Civil

Vitória
Publicado em 22/01/2021 às 17h55
Atualizado em 22/01/2021 às 17h55
Criminosos se passam por entregadores de flores para invadir casa em João neiva
Criminosos se passam por entregadores de flores para invadir casa em João Neiva. Crédito: Divulgação Polícia Civil

Três criminosos se passaram por entregadores de flores para invadir uma casa no bairro Vila Nova, em João Neiva, norte do Estado. Os  proprietários da casa, ambos de 30 anos, foram amarrados e a casa saqueada. 

O crime aconteceu por volta das 8 horas, no dia 30 de dezembro. Os  bandidos chegaram ao local em um veículo vermelho que foi registrado por câmeras de casas vizinhas. Um deles levava consigo flores e usou essa desculpa para que o portão da garagem fosse aberto.

Os três bandidos, um deles armado, amarraram o casal que estava na residência e passaram a pegar todos os pertences de valor. O bando pegou joias, uma televisão de 43', dois computadores, eletrodomésticos, três celulares e vários equipamentos de som, totalizando um prejuízo de R$ 50 mil. 

"Logo que o crime foi registrado, demos início aos levantamentos sobre o caso e descobrimos que os bandidos eram da Grande Vitória. Com o trabalho de investigação, conseguimos chegar a identificação dos três, sendo que dois já foram presos", explicou o delegado Leandro Sperandio, titular da Delegacia de Polícia Civil. 

O primeiro passo das investigações foi identificar o veículo usado pelos criminosos, o que foi possível com a ajuda da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal (PRF). 

Os produtos roubados na residência foram encontrados em uma casa no bairro Feu Rosa, na Serra, no dia 07 de janeiro. Duas pessoas foram presas como receptadoras. No mesmo bairro também foi preso um dos assaltantes, identificado como sendo Fábio Diogo Lima. Ele possui condenação por homicídio e estava em liberdade provisória desde o dia 16 de dezembro. Na casa dele também foram apreendidas 70 munições. 

Criminosos se passam por entregadores de flores para invadir casa em João neiva
Material roubado pelos criminosos que se passaram por entregadores de flores para invadir uma casa em João Neiva. Crédito: Divulgação Polícia Civil

Com mandado de prisão expedido pela Justiça, o segundo suspeito de invadir a casa foi preso  em Viana nesta quinta-feira (21).  O suspeito, identificado como Samuel Carluto Rosa foi localizado pela Força Tática da Polícia Militar no Bairro Nova Bethânia. Ele estava no interior do veículo Fiat Punto, de cor vermelha, usado no assalto em João Neiva. Na casa dele também foram encontrados outros pertences roubados na residência. Uma arma de fogo também foi apreendida. 

O terceiro envolvido no crime foi identificado e o delegado aguarda o posicionamento da Justiça após solicitar um mandando de prisão para o suspeito. O delegado não informou a identidade do indivíduo. 

"Acreditamos que a escolha da casa foi aleatória, pois acreditavam que, saindo da Grande Vitória para assaltar no interior, não seriam presos. Porém, demos uma resposta de forma rápida e efetiva. A união das forças policiais, somada a parceria com o Ministério Público de João Neiva e a rapidez do Poder Judiciário tem dado resultados", completou o delegado Leandro Sperandio. 

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.