Transcol circula com 100% da frota nos horários de pico na Grande Vitória

Por conta do novo coronavírus, a Ceturb-ES analisou os horários que necessitam de mais coletivos para evitar a aglomeração de passageiros nos terminais e também no interior dos ônibus

Publicado em 30/03/2020 às 09h28
Data: 26/11/2019 - ES - Vitória - Ônibus do sistema Transcol
O Sistema Transcol foir eforçado nos horários de pico para evitar que passageiros se aglomerem nos terminais e nos coletivos. Crédito: Carlos Alberto Silva

Os ônibus do sistema Transcol estão circulando com 100% da frota nos horários de pico pela Grande Vitória. É o que garante a Companhia Estadual de Transportes Coletivos de Passageiros do Estado do Espírito Santo (Ceturb-ES) na publicação feita no Diário Oficial do Estado desta segunda-feira (30). Na última semana, a própria companhia já havia anunciado que faria ajustes em decorrência das necessidades momentâneas.

A medida foi adotada para evitar superlotação nos coletivos e aglomeração de passageiros especialmente nos terminais, condições favoráveis para a disseminação do novo coronavírus, causador da doença Covid-19. Com essa mudança, cerca de 1,3 mil ônibus, trafegam pela Região Metropolitana no período das manhãs e fim da tarde, quando a demanda por transporte aumenta consideravelmente.

Na última semana, com a queda da quantidade de passageiros, a Ceturb-ES foi mapeando os horários que demandavam ajustes na frota e desde quinta-feira (26) e alterou a quantidade de coletivos à disposição das pessoas. Nos demais horários, o Sistema Transcol segue com frota reduzida. 

“Embora a recomendação do governo do Estado seja para que as pessoas evitem sair às ruas, muita gente precisa usar o trans-porte público nesses horários. Por isso, estamos disponibilizando a frota completa para garantir o transporte dos usuários, mesmo com o registro de queda no número de passageiros", salientou o diretor-presidente da Ceturb-ES, Raphael Trés, no Diário Oficial.

MARCAÇÕES

Para evitar que os usuários permaneçam próximos nas filas, a companhia está fazendo as marcações nas plataformas dos terminais. A companhia ainda conta com a colaboração da população para que respeite as delimitações e que, ao observar que a lotação das cadeiras nos ônibus, aguarde o próximo coletivo para evitar a superlotação.

Terminal do Transcol
A Ceturb-ES está fazendo marcações nas plataformas para evitar que os usuários fiquem próximos em tempos de coronavírus. Crédito: Carlos Alberto Silva 

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.