ASSINE

Confira as principais fake news que circulam sobre o coronavírus

O Ministério da Saúde elencou as principais notícias falsas sobre o assunto; saiba quais são

Publicado em 08/03/2020 às 12h38
Atualizado em 09/03/2020 às 19h01
 Informações falsas sobre a doença circulam pela internet. Crédito: Pixabay
 Informações falsas sobre a doença circulam pela internet. Crédito: Pixabay

A confirmação de que mais brasileiros estão contaminados pelo coronavírus  gerou  preocupação na população, mas também fez aumentar a proliferação de notícias falsas sobre a doença.

 "Talvez as fakes news sejam a pior epidemia dessa atualidade. Atrapalha em poder oferecer uma assistência médica de qualidade, é desserviço para a sociedade, gera pânico e dissemina informações erradas sobre doenças", observou Alexandre Rodrigues, presidente da Sociedade de Infectologistas do Espírito Santo. 

O médico faz uma orientação sobre as falsas notícias que  são repassadas de celular para celular. "Não repassar. É a primeira orientação. Busque informações em sites consolidados e cheque a veracidade", afirmou o infectologista. Até pelas mãos do médico  já passaram informações falsas. "Semana passada era de que o vinagre era melhor que o álcool  para higienização contra coronavírus.  Na verdade, o vinagre não tem ação contra o vírus  e nem substitui a água e sabão. O álcool em gel pode ser somar nesta limpeza", corrigiu. 

O efeito negativo das fakes news é tão grande que o Ministério da Saúde passou a reunir e desmentir informações acerca do coronavírus. Confira as principais:

Coronavírus. Crédito: Agência Brasil
Coronavírus. Crédito: Agência Brasil

MITO TOTAL

  1. 01

    Cura contra o coronavírus

    Até ao momento não há nenhum medicamento, substância, vitamina ou vacina que possa prevenir a contaminação pelo novo coronavírus. 

  2. 02

    Ar do plástico bolha da China contém coronavírus

    O Ministério da Saúde afirma que não há nenhuma evidência que produtos enviados da China para o Brasil tragam o novo coronavírus.  O vírus geralmente não sobrevive muito tempo fora do corpo de outros seres vivos e o tempo de tráfego destes produtos costuma ser de muitos dias. O vírus só é transmitido entre humanos e não sobrevive mais de 24 horas fora do organismo humano ou de algum animal.

  3. 03

    Chás previnem o coronavírus

    Não há, até ao momento, nem mendicamento, substância, vacina ou alimento específico que possa prevenir a infecção pelo novo coronavírus. 

  4. 04

    Novo coronavírus causa pneumonia de imediato

    O novo coronavírus não causa pneumonia imediatamente. Os primeiros sintomas são de  gripe, como tosse, dificuldade de respirar, febre e coriza. 

  5. 05

    China cancela todos os embarques de produtos por navio até março

    O Ministério da Saúde afirma que não há nenhuma evidência que produtos enviados da China para o Brasil tragam o novo coronavírus e lembrou que vírus, geralmente, não sobrevivem muito tempo fora do corpo de outros seres vivos. Desse modo, o tempo de tráfego destes produtos costuma ser de muitos dias. O vírus só é transmitido entre humanos e não sobrevive mais de 24 horas fora do organismo humano ou de algum animal

  6. 06

    Óleos ou uísque e mel são bons contra coronavírus

    Não há nenhum medicamento, vacina, substância ou alimento que combata o vírus no organismo humano.  

  7. 07

    Vinagre é melhor que álcool para evitar a contaminação

    O Vinagre não combate o coronavírus.  O ideal é fazer higiene das mãos lavando com água e sabão e, se possível, passar álcool em gel nas mãos. 

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.