ASSINE

Empresa alemã Bayer terá centro de distribuição na Serra, diz Casagrande

Companhia farmacêutica confirmou investimento no Estado em videoconferência com o governador na manhã desta terça. Operações começam em julho

Publicado em 23/06/2020 às 11h10
Atualizado em 23/06/2020 às 12h58
Casagrande participou de reunião em vídeo com representantes da companhia Bayer
Casagrande participou de reunião em vídeo com representantes da companhia Bayer. Crédito: Twitter do governador/Reprodução

O governador Renato Casagrande disse nesta terça-feira (23) que a Bayer, empresa farmacêutica alemã, terá um centro de distribuição no Estado. A informação foi publicada no Twitter e segundo o chefe do Poder Executivo capixaba.

As operações do seu novo centro de distribuição terão início no mês de julho. O empreendimento, localizado no município da Serra, é o primeiro da área de Consumer Health da empresa fora do Estado de São Paulo.

O investimento da multinacional foi confirmado pelos representantes da companhia em videoconferência com o governador.  O novo centro de distribuição ocupará área de 600 metros quadrados. A previsão é de que sejam movimentados 540 pallets por mês, com atendimento a 26 clientes, localizados em 20 estados, de acordo com a empresa.

“Para nós é um dia de muita importância pelo tamanho da Bayer no mundo. Temos uma posição geográfica importante, estamos no centro do Brasil, temos uma gestão fiscal sólida e incentivos para que possamos ter polos geradores de renda, receita e empregos. Nosso Estado está se modernizando, de forma organizada, e por isso temos atraído bons investidores”, disse.

Casagrande lembrou que, apesar dos desafios colocados pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Espírito Santo vai dar continuidade às obras e investimentos já programados. “Temos o Fundo Soberano, que está sendo capitalizado, mesmo nesse momento de dificuldade com a baixa do preço do petróleo. Manter o Estado organizado, ampliando as parcerias com o setor privado, mantendo os investimentos fundamentais, é a forma de continuarmos gerando oportunidade aos capixabas”, acrescentou o governador.

O secretário de Estado de Desenvolvimento, Marcos Kneip, fez coro às palavras do governador. “A chegada da Bayer ratifica a excelência do Estado, seja na logística, seja no comércio exterior, além do bom ambiente de negócios que mantemos aqui. Quero reforçar que a Sedes não acompanha as empresas somente durante a chegada. Estamos à disposição para auxiliar no que for necessário durante todo o percurso no Estado”, pontuou.

De acordo com a líder de projetos da Bayer no Espírito Santo, Patrícia Chan, a receptividade e cordialidade foram fundamentais para a escolha do Estado pela empresa. “Desde o primeiro contato com a Secretaria de Desenvolvimento, tivemos um apoio fundamental para a nossa decisão. As cidades capixabas estão muito bem organizadas, e a nossa receptividade foi excelente”, afirmou.

A empresa atua na produção de medicamentos, de itens para saúde e nutrição, além também de trabalhar no setor agrícola, com desenvolvimento de tecnologia para melhoramento produtivo.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.