ASSINE

Covid-19 no ES: Casagrande anuncia medidas sociais para os mais pobres

Governador fez anúncio nesta sexta-feira (26) sobre o apoio a ser dado a famílias em situação de vulnerabilidade; veja as principais ações

Publicado em 26/03/2021 às 15h08

16:10

Término do anúncio

Depois de cerca de 1 hora, o governador Renato Casagrande encerrou o anúncio desta sexta-feira (26), durante o qual anunciou as novas medidas de ajuda social.


16:05

Casagrande: "Crise continuará por mais tempo"

"No ano passado fizemos distribuição de cestas e ampliamos ajuda aos municípios. Mas, nesse ano, achamos que a atividade econômica ia conseguir, através da vacinação, entrar em uma vida mais normal e estávamos até avaliando a ampliação do Bolsa Capixaba. Porém, achamos mais importante uma ajuda mais imediata, porque a pandemia agravou muito e as pessoas estão passando necessidade. Nós consideramos que, mesmo com os demais benefícios, era importante ter uma ação mais abrangente. A crise, infelizmente, continuará por mais tempo no Espírito Santo. Essas pessoas ainda sofrerão nos próximos meses, e a ajuda, com certeza, chegará em boa hora", diz o governador.


16:00

Cartão ES Solidário não se restringe à alimentação

"O Cartão ES Solidário começará a ser entregue em meados de abril. Eles estão sendo confeccionados e temos que aprovar uma lei da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales). Não vai precisar de expediente extraordinário no Banestes. O valor de R$ 150 poderá ser usado da forma como a família julgar melhor, mesmo que não seja com alimentação", explica Casagrande.


15:56

Casagrande quer impedir corte de energia elétrica

"Faremos contato com a EDP e com algumas empresas privadas para ver se podem adotar a mesma postura (adotada com a Cesan). E já peço publicamente que adotem essa postura (de não cortar até o próximo dia 18 de abril)", afirma o governador.


15:53

Ajuda soma R$ 90 milhões do Tesouro Estadual

"Se a pessoa recebe benefício, mas continua na extrema pobreza, ele vai receber o nosso benefício. Não tem problema acumular. Em relação à fonte do recurso é o Tesouro Estadual, do nosso orçamento, que será utilizado para a quitação de todos esses benefícios, com exceção do que citei que será com a Lei Aldir Blanc. Quase R$ 90 milhões é do Caixa do Tesouro", explica Casagrande. 


15:50

Governo do ES não antecipou salário de servidores

"Nós não fizemos a antecipação, mas quem recebe salário, se precisar ir ao banco, as agências estão fechadas, mas as atividades não. Boa parte das pessoas sacam no caixa eletrônico ou fazem transações pelo celular. Essa não será uma dificuldade para os servidores do Estado", esclarece Casagrande, sobre agências bancárias não serem consideradas mais como serviço essencial a partir da próxima semana.


15:45

Cartão ES Solidário: Banestes fará a distribuição

O Governo do Estado vai usar o CadÚnico, do Governo Federal, para definir as famílias a serem beneficiadas com o Cartão ES Solidário. Na base será feito o filtro da família e o Estado mandará o filtro para o Banestes, que fará a abertura das contas e a distribuição dos cartões. Nenhuma família precisa fazer o cadastro.


15:41

Servidores: possibilidade de doação com desconto em folha para o ES Solidário

De acordo com o anunciado, o servidor do Espírito Santo poderá doar para o ES Solidário por meio de desconto na folha de pagamento. Será aberto um edital e o servidor poderá escolher a quantia e a entidade. Todos podem doar em dinheiro, kits de higiene ou cestas básicas. Detalhes no site do ES Solidário.


15:36

Medidas de apoio ao setor da Cultura

"Através da Secretaria de Cultura e usando recurso da Lei Aldir Blanc, do Governo Federal, estamos fazendo as lives de apresentações culturais de todo o Estado pelas redes da secretaria e pela TVE. Toda a arrecadação vai para o ES Solidário. Serão 200 apresentações, nós pagamos os cachês. As inscrições começam no dia 2 de abril. Cachês vão até R$ 7 mil. Há ainda 180 vagas de capacitação com bolsa, que varia de R$ 300 a R$ 900, prioritariamente para jovens do Programa Estado Presente", diz Casagrande.


15:35

11 mil vagas para cursos de formação profissional

"É bom que a gente cuide da formação profissional. No Qualificar ES vamos ter 11 mil vagas para curso, sendo 10 mil vagas ofertadas pela Secretaria de Desenvolvimento e as demais pela Aderes e pelo Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial). Isso pode gerar uma renda e dar uma oportunidade de emprego",  diz Casagrande.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.