Ações da Petrobras caem 20% e puxam Ibovespa para baixo; dólar chega a R$ 5,50

Os papéis da companhia preferenciais (mais negociadas) estão sendo comercializados a R$ 21,54 logo no início desta manhã após troca de comando na estatal

Publicado em 22/02/2021 às 10h59
Atualizado em 22/02/2021 às 15h09
Petrobras reduz preço da gasolina e diesel nas refinarias
Ações da Petrobras abrem pregão em forte queda. Crédito: Fernando Frazão/Agência Brasil

Atualização

22 de Fevereiro de 2021 às 15:06

A reportagem foi atualizada com os novos números do mercado.

As ações da Petrobras chegaram a cair mais de 20% após a abertura do pregão da Bolsa de Valores de São Paulo, após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) interferir e trocar na noite de sexta-feira (19) o comando da estatal. Com isso, o Ibovespa chegou a registrar queda de 5,31%, rebaixando-se a 112.137 pontos às 10h56 da manhã. Os papéis da companhia preferenciais (mais negociadas) estavam sendo comercializados a R$ 21,54 logo no início desta manhã.

Já durante a tarde, por volta das 15h, as ações preferenciais da estatal estavam sendo vendidas a R$ 22,21, com uma leve recuperação diante do cenário visto de manhã. A queda estava em 18,70%. Já o Ibovespa operava em queda superior a 3%.

Bolsonaro indicou o general Joaquim Silva e Luna para comandar a estatal. Na última sexta-feira (19), após o anúncio do presidente, a Bolsa de Nova Iorque registrou queda de 15%.

No pregão desta segunda-feira (22), as ADRs (certificados de ações negociados no Estados Unidos) já registram queda de 16,41% em relação ao fechamento de sexta-feira, a US$ 8,40 cada, nas negociações antes da abertura do pregão.

O dólar chegou a ser cotado a R$ 5,50 na abertura do mercado por conta do risco de mais intervenções do governo federal na economia, elevando o temor do investidor. O câmbio também se recuperou levemente e, por volta das 15h, estava cotado em R$ 5,45.

A queda da cotação das ações da Petrobras também interferiu nos papéis de outras estatais, como Eletrobras e Banco do Brasil. Na instituição financeira, essa redução chegou ade 10,97%, sendo cotada a R$ 29,05. Já as ações da Eletrobras caíram até 9,75%, a R$ 26,27.

Somente na primeira hora de pregão, a Petrobras perdeu R$ 85,7 bilhões em valor de mercado. A companhia já havia registrado queda de 8%, com perda de R$ 28,2 bilhões.

O mercado também acompanha outras declarações dadas pelo presidente. No sábado, ele disse que fará trocas no primeiro escalão do governo e que ainda vai meter o dedo na energia elétrica.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.