ASSINE

Vídeo: pedestres caminham em meio a ratos em calçada da Rua da Lama

Imagens feitas na noite desta terça-feira (13) mostram a região infestada por roedores, bem próximo ao local que concentra boa parte dos bares. Prefeitura afirma que já notificou 12 vezes o dono do imóvel de onde saem os ratos

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 14/07/2021 às 19h26
Atualizado em 15/07/2021 às 11h56
Jardim da Penha
Frames dos vídeos dão uma dimensão da quantidade de ratos presentes na Rua da Lama, em Jardim da Penha. Crédito: Ariel Graceli | Internauta

Muito procurada, principalmente nos períodos noturnos por apreciadores de um bom barzinho, além da variedade de restaurantes e lanchonetes que possui, a Rua da Lama, no bairro Jardim da Penha, em Vitória, tem sido bastante frequentada por "novos usuários". Estes, porém, não são bem-vindos no local.

A área de intensa circulação de pessoas também está repleta de ratos, de vários tamanhos. Na noite desta terça-feira (13), de dentro do próprio veículo, o internauta Ariel Graceli registrou dezenas deles saindo de um imóvel, atualmente desocupado, e circulando pela calçada. O local fica bem perto da região onde ficam concentrados os bares. Veja vídeo:

Pedestres caminham em meio a ratos na Rua da Lama

A calçada, destinada aos pedestres, foi ocupada pelos bichos, levando as pessoas a transitarem em meio a eles. A cena indica que o local de onde os animais saem não possui controle para evitar a proliferação. Quem mora ou já frequenta a região e o bairro atesta que a presença dos roedores no local é antiga.

Vale ressaltar que a presença descontrolada de ratos implica em riscos à saúde humana, já que a urina do animal pode conter a bactéria leptospira, responsável pela doença leptospirose. Um ferimento na pele que eventualmente entre em contato com a água da chuva contaminada com os excrementos dos animais pode provocar uma contaminação.

IMÓVEL FOI NOTIFICADO 12 VEZES, DIZ PREFEITURA

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Vitória (Semmam) informa que fiscais da pasta estiveram no local e notificaram, por 12 vezes, o imóvel. Entretanto, o proprietário do espaço faleceu e o imóvel em questão ainda não entrou no inventário da família.

Na manhã desta quinta-feira (15), técnicos do Centro de Vigilância em Saúde Ambiental e da Vigilância Sanitária, da Secretaria Municipal de Saúde de Vitória (Semus), retornaram ao imóvel e efetuaram a desratização.

Somente em 2021, a Prefeitura Municipal de Vitória, por meio da Semus, fez a desratização do local em quatro ocasiões. Vale ressaltar que a Secretaria Central de Serviços realiza, diariamente, pela manhã a limpeza da rua.

Aos sábados, domingos e nas segundas-feiras, o trecho é lavado. Além de limpeza e varrição, no período noturno há a coleta domiciliar. A secretaria Central de Serviços informa q nessa quinta feira (15/07) vamos iniciar a limpeza na parte interna do terreno após visita da equipe de fiscalização e constatação de risco a saúde pública.

Denúncias podem ser feitas diretamente à Prefeitura, por meio do telefone 156.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.