ASSINE

Veja o que muda em Vitória a partir desta segunda (17) no risco moderado

Com nova classificação de risco, a capital capixaba passa a oferecer atividades presenciais em mais níveis de ensino, além de permitir a abertura de bares

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 17/05/2021 às 09h19
Data: 26/03/2020 - ES - Vitória - Movimento de pessoas no calçadão da Praia de Camburi durante pandemia do Covid-19
Movimento de pessoas no calçadão da Praia de Camburi durante pandemia . Crédito: Carlos Alberto Silva

Classificado em risco moderado a partir desta segunda-feira (17), o município de Vitória passa a permitir o funcionamento de escolas com atividades presenciais em todos os níveis, reabre bares e tem menos restrições nas academias.

As novas medidas foram anunciadas com a divulgação do 55º Mapa de Risco do governo do Estado. As ações são válidas até domingo (23). A Capital é a única da cidade da Grande Vitória que não está em risco alto para Covid-19

Um novo cenário da pandemia do levou o governo do Estado a mudar duas regras. Uma delas é de que a cidade classificada em risco alto não será mantida por 14 dias nessa classificação se apresentar números favoráveis na semana seguinte.

Outra alteração no que consiste a forma de definir o mapa é a extensão a todos os municípios da Grande Vitória ficassem no mesma classificação de risco. Agora, cada um será avaliado individualmente.

Em entrevista ao Bom Dia ES, da TV Gazeta, na manhã desta segunda-feira, a secretária de Estado de Turismo, Lenise Loureiro, explicou sobre a nova metodologia do Mapa de Risco e pontuou as mudanças em Vitória.

Lenise Loureiro

Secretaria de Estado de Turismo

"Todos os níveis da educação poderão ter atividades presenciais, até mesmo os cursos livres, como inglês, e ensino regular, guardando a capacidade dos espaços, distanciamento e uso permanente de máscaras "

EDUCAÇÃO

Os alunos que cursam o ensino fundamental II, Ensino Médio e Ensino Superior poderão ter aulas presenciais desde que cumpridos os protocolos sanitários. As aulas para o ensino infantil e o fundamental I estavam liberadas desde a última segunda-feira (10). 

Nesta segunda-feira (17), retornam às aulas todas as crianças da educação infantil, sem revezamento de alunos. Também estarão abertas as escolas municipais para os estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental I e da Educação de Jovens e Adultos, com revezamento de grupos se for necessário.

Já no dia 24 de maio, será a vez dos estudantes que cursam do 6º ao 9º ano, o Ensino Fundamental II, voltarem para as salas de aula presencialmente com revezamento. Além da rede municipal de ensino, os colégios particulares também retomam às atividades nas suas unidades, conforme informou o Sindicato das Empresas Particulares de Ensino do Espírito Santo (Sinepe-ES).

Sobre as escolas da rede municipal de ensino, a Secretaria de Educação de Vitória anunciou que as atividades presenciais e as aulas foram montadas respeitando o distanciamento de 1,5 metro entre cada aluno e professor, além do uso de máscara ser obrigatório.

Os colégios da rede estadual que estão localizadas em Vitória retomarão às atividades presenciais no sistema híbrido (aulas remotas e presenciais) no caso de turmas com muitos estudantes.

Alunos da Escola São Domingos, em Bento Ferreira
Escolas em Vitória voltam a oferecer atividades presenciais. Crédito: Fernando Madeira

BARES, LANCHONETES E RESTAURANTES

Os bares voltam a abrir as portas, mas devem seguir as restrições válidas para os restaurantes e lanchonetes. Ou seja, poderão funcionar de segunda a sábado até às 22h e, no domingo, até às 16h. A mesma regra vale para distribuidoras de bebidas e lojas de conveniência. Para esse grupo de negócios, há limitação de um cliente a cada 5m² e afastamento mínimo de 2m entre as mesas. As boates e casas de shows ainda não têm autorização de funcionar.

Bares e restaurantes abertos no dia das mães
Bares poderão abrir com restrições . Crédito: Vitor Jubini

EVENTOS

Alguns eventos voltam a ser permitidos com a nova classificação da Capital: corporativos, acadêmicos, técnicos e científicos. Contudo, há limitação de 300 pessoas, não podendo ultrapassar uma pessoa a cada 5m² de área.

ACADEMIAS

Fica permitida a realização de atividades aeróbicas individuais. As coletivas seguem suspensas.

As academias estão fechadas desde quinta-feira no ES por causa do coronavírus
Academias podem ofertar atividades aeróbicas. Crédito: Divulgação

COMÉRCIO

Passa a funcionar normalmente, sem restrição de dia ou horário. Os estabelecimentos devem respeitar o limite de um cliente a cada 10m² de área de loja. Em shoppings, há limitação de entrada de clientes na proporção de uma pessoa por 22m².

Movimentação no comércio de rua no Centro de Vitória
Movimentação no comércio de rua no Centro de Vitória. Crédito: Vitor Jubini

VEJA A CLASSIFICAÇÃO DE RISCO DE CADA CIDADE

RISCO BAIXO: Águia Branca, Baixo Guandu, Bom Jesus do Norte, Colatina, Governador Lindenberg, Iconha, Itaguaçu, Itarana, Jaguaré, João Neiva, Mucurici, Muqui, Piúma, Ponto Belo, Santa Maria de Jetibá, São Domingos do Norte, São Roque do Canaã e Vila Pavão.

RISCO MODERADO: Afonso Cláudio, Água Doce do Norte, Alfredo Chaves, Alto Rio Novo, Aracruz, Atílio Vivácqua, Barra de São Francisco, Brejetuba, Castelo, Divino de São Lourenço, Domingos Martins, Dores do Rio Preto, Ibatiba, Ibiraçu, Ibitirama, Iúna, Jerônimo Monteiro, Laranja da Terra, Mantenópolis, Marechal Floriano, Marilândia, Mimoso do Sul, Muniz Freire, Nova Venécia, Pancas, Rio Novo do Sul, Santa Leopoldina, Santa Teresa, São Gabriel da Palha, São Mateus, Sooretama e Vitória.

RISCO ALTO: Alegre, Anchieta, Apiacá, Boa Esperança, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Conceição da Barra, Conceição do Castelo, Ecoporanga, Fundão, Guaçuí, Guarapari, Irupi, Itapemirim, Linhares, Marataízes, Montanha, Pedro Canário, Pinheiros, Presidente Kennedy, Rio Bananal, São José do Calçado, Serra, Vargem Alta, Venda Nova do Imigrante, Viana, Vila Valério e Vila Velha.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.