ASSINE

Golpe da vacinação acende alerta no ES; veja como se proteger

Os criminosos fingem ser funcionários públicos e criam perfis falsos das prefeituras para coletar dados e cometer crimes com as informações pessoais das vítimas

Publicado em 22/05/2021 às 16h37
Pessoa no celular
Golpistas enganam quem espera vacina contra a Covid-19 no ES. Crédito: Freepik

Simulando contato para agendamento da vacinação contra a Covid-19 no Espírito Santo, bandidos estão aplicando golpes ao enviarem mensagens para moradores que aguardam na fila da imunização. O alerta foi dado por prefeituras e o Ministério da Saúde.

A prática consiste em acionar a vítima, via SMS, aplicativo de mensagem do celular ou ligação telefônica, alegando ser um servidor da prefeitura. No contato, o falso funcionário público solicita dados para cadastrar o cidadão interessado na injeção contra o vírus.

Para chamar a atenção para o novo golpe, o Ministério da Saúde fez uma publicação em suas redes sociais. No texto, o órgão federal alerta que não oferece esse tipo de serviço por telefone.

Minitério da Saúde

Redes sociais

"O @minsaude alerta para um novo golpe em nome do órgão! A ação visa clonar seu número do aplicativo de mensagens e ter acesso aos dados do seu celular. Não caia nessa! O Ministério da Saúde não telefona para marcar vacinação e jamais pede este tipo de confirmação de dados"

Em Vila Velha, bandidos criaram um perfil falso da prefeitura no Instagram e solicitaram informações privadas dos internautas. Através de uma publicação no site oficial,  o município informou que denunciou o perfil aos administradores da rede social. A administração municipal orienta que o morador não "encaminhe informações pessoais ou clique em links estranhos".

"Os perfis das redes sociais oficiais da Prefeitura de Vila Velha não solicitam códigos enviados para telefones de munícipes, por isso, caso receba algum pedido nesse sentido, supostamente em nome da prefeitura, não responda", reforça a nota.

Situação semelhante foi identificada em Cariacica. A Secretaria de Saúde informou que é falso um link fcompartilhado pelas redes sociais sobre agendamento de vacinação com a Coronavac. O agendamento na cidade é feito somente pelo site vacina.cariacica.es.gov.br.

COMO SE PROTEGER

Caso isso aconteça, a orientação da Polícia Civil é desligar a ligação com o suposto responsável pelo agendamento e procurar um contato da Secretaria de Saúde do município. A partir do site oficial, o cidadão retorna a ligação e confirma a oferta do serviço, conforme explicou o titular da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC), delegado Brenno Andrade.

Brenno Andrade

Delegado

"A orientação é não clicar em link, mesmo a pretexto de ser de prefeitura. Os criminosos sabem que algumas prefeituras estão entrando em contato para fazer a marcação de vacinação e alguns vão aproveitar para tentar aplicar golpes e até clonar o seu WhatsApp"

O delegado ressalta que, de posse dos dados das vítimas, os criminosos criam contas bancárias para aplicar novos golpes, cadastram números de celular no nome de terceiros e até contratam empréstimos. 

"Cuidado se pedirem código de confirmação para agendamento que você vai receber via SMS. Em muitos casos, os criminosos falam que o número representa a confirmação do agendamento, mas na verdade estão tentando clonar seu Whatsapp", afirma.

Delegado Brenno Andrade. 06/03/2019
Delegado Brenno Andrade, titular da delegacia que investiga crimes cibernéticos. Crédito: Arquivo/AG

O QUE DIZEM AS PREFEITURAS

  1. 01

    VILA VELHA

    Em Vila Velha, os agendamentos são realizados por meio do site oficial da prefeitura. A orientação do município é que as pessoas chequem as informações recebidas, principalmente, em grupos de WhatsApp e mensagens SMS. “Buscar informações no site oficial da prefeitura e nas redes oficiais da prefeitura. Para quem tem rede social, por exemplo, importante curtir a página oficial e ativar o aviso de notificações. Dessa maneira o seguidor recebe alerta a cada nova publicação”, informou, por nota.

  2. 02

    SERRA

    A Secretaria de Saúde da Serra (Sesa) informou que, com exceção da vacinação da segunda dose da Coronavac, que está sendo feita por meio de cadastro realizado na Unidade de Saúde e por contato telefônico, todos os outros agendamentos para a imunização estão sendo feitos via agendamento on-line no site da prefeitura. A Secretaria ressalta que em contatos telefônicos, o único dado solicitado é o nome e sobrenome do usuário dos serviços.

  3. 03

    GUARAPARI

    Em Guarapari, quando a pessoa realiza o agendamento, recebe um e-mail de confirmação, mas nele já consta a mensagem de que não deve ser respondido. A prefeitura não faz contato via Whatsapp. Se alguém receber telefonemas da unidade de saúde, não deve informar documentos pessoais, e em caso de dúvidas, deve procurar a unidade de saúde ou acionar a Ouvidoria da Saúde, por meio do formulário eletrônico no site da prefeitura, pelo e-mail: [email protected] ou através do telefone 0800 276 3482, de 8h às 12h e de 14h às 18h.

  4. 04

    CARIACICA

    Em Cariacica, o agendamento de vacinas é realizado exclusivamente pelo site da prefeitura. A prefeitura orienta que os moradores sempre busquem informações a respeito de agendamento nos canais oficiais da Prefeitura de Cariacica no Instagram, Facebook e site oficial cariacica.es.gov.br.

  5. 05

    FUNDÃO

    Em Fundão, o agendamento para as vacinas contra Covid-19 ocorre a partir de identificação da demanda por meio do agente comunitário de saúde, disponibilidade dos contatos telefônicos das unidades básicas de saúde, assim como de forma presencial. Na data da vacina já agendada por horário, o usuário obrigatoriamente deve apresentar um documento de identificação com foto.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.