ASSINE

Espuma verde chama a atenção no mar de Manguinhos

Secretaria municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano disse que fará uma análise para identificar a causa do problema nesta quinta-feira (7)

Publicado em 07/10/2021 às 06h34
Espuma verde é registrada no mar de Manguinhos
Espuma verde é registrada no mar de Manguinhos. Crédito: Paulo Cordeiro

Os moradores de Manguinhos, na Serra, na Grande Vitória, registraram uma espuma verde no rio e no mar. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano disse que fará uma análise para identificar a causa do problema nesta quinta-feira (7).

A espuma verde já foi registrada no local há cinco dias.

O médico André Carloni Neto contou que mora no bairro há 70 anos e que o rio passa pelo quintal dele. Ele lembrou que a água do rio era potável e que bebia água do córrego.

O oceanógrafo Ângelo Bernardino avaliou que a espuma é um conjunto de microalgas e que elas não costumam ser tóxicas. O organismo, no entanto, pode indicar a contaminação da água com agrotóxico e esgoto.

“São florações de algas que ocorrem normalmente quando tem água parada, alta temperatura e nutrientes como nitrogênio e fósforo, que podem vir de fertilizantes da agricultura, esgoto doméstico. Essas algas podem produzir toxinas e as pessoas devem evitar o contato com essa água”, disse.

A Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano fará uma análise nesta quinta-feira (7), com a oceanógrafa municipal para identificar a origem do problema.

Com informações do G1/ES e da TV Gazeta

A Gazeta integra o

Saiba mais
Serra Prefeitura da Serra manguinhos serra

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.