ASSINE

Detran retoma avaliação médica e prova prática para deficientes no ES

Procedimentos para tirar CNH voltaram na quarta-feira (5), seguindo recomendações devido à pandemia; parte das atividades já pode ser feita desde maio

Publicado em 06/08/2020 às 15h37
Atualizado em 06/08/2020 às 22h22
O álcool 70% se tornou um grande aliado no combate ao novo coronavírus
Veículos utilizados nas provas práticas precisam ser higienizados entre cada avaliação. Crédito: Freepik

Quem tem algum tipo de deficiência e deseja tirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) já pode agendar a avaliação médica ou a prova prática. Ambas as atividades haviam sido suspensas por causa da pandemia e já estão autorizadas a serem retomadas desde quarta-feira (5).

Publicada no Diário Oficial do Governo Estadual, a instrução de serviço nº 114 do Departamento de Trânsito do Espírito Santo (Detran-ES) prevê uma série de medidas para evitar a transmissão do novo coronavírus, incluindo o impedimento dos candidatos que apresentarem sintomas gripais ou febre.

No último mês de maio, diversas atividades relacionadas ao Detran-ES já haviam sido retomadas no Estado. Vale lembrar que o prazo para renovação da CNH segue prorrogado por tempo indeterminado devido à Covid-19. A medida vale para os documentos que venceram a partir do dia 19 de fevereiro deste ano.

AVALIAÇÃO MÉDICA

A pessoa que precisa realizar perícia médica na Coordenadação de Exames Médicos e Psicológicos deve ter agendada a avaliação pelo Centro de Formação do Condutor (CFC) e comparecer na hora marcada, na sede do Detran-ES. Só será permitida a entrada de, no máximo, um acompanhante, caso seja estritamente necessário.

As seguintes regras também precisam ser respeitadas:

  • Usar máscaras;
  • Higienizar as mãos com álcool em gel;
  • Manter o distanciamento de, no mínimo, 1,5 metro entre cada pessoa;
  • Limpar o ambiente da avaliação depois de cada atendimento, sendo responsabilidade do médico fazê-lo.

PROVA PRÁTICA

As provas práticas terão as datas definidas pela coordenação responsável do Detran-ES. Em todas as categorias, as bancas terão duração de até 4 horas, podendo ser agendados candidatos a cada 15 minutos, entre as 13h e as 16h45. No entanto, cada veículo disponível só poderá receber um candidato por hora.

Os participantes podem ter a temperatura verificada antes do início do exame e serem impedidos de fazê-lo caso estejam com mais de 37,8°C. A participação também pode ser barrada se a pessoa tiver apresentado sintomas gripais durante os últimos sete dias. Além de que:

  • Todos devem usar máscaras;
  • Candidatos devem aguardar o horário agendado afastados do local das provas;
  • Veículos devem ser higienizados com álcool etílico 70° entre cada avaliação;
  • Participantes devem levar caneta própria para assinatura do formulário;
  • Caso haja mais de um veículo agendado no mesmo horário, deve ser mantida a distância de 2 metros entre eles.

Em provas práticas com motocicletas (categoria A), cada candidato deverá levar o próprio capacete, sendo proibido o compartilhamento do acessório. Já em carros e veículos maiores (categorias B e D), os vidros devem ser mantidos abertos e os ocupantes no automóvel precisam ficar afastados.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.