ASSINE

Coronavírus: Presidente Kennedy decreta estado de calamidade pública

A cidade, que tem pouco mais de 11 mil habitantes contabiliza, até a tarde desta quarta (6), uma morte, sete casos confirmados e oito em investigação

Publicado em 06/05/2020 às 15h51
Atualizado em 06/05/2020 às 18h04
Presidente Kennedy, Sul do Estado
Presidente Kennedy, Sul do Estado . Crédito: Divulgação/PMPK

O prefeito de Presidente Kennedy, Dorlei Fontão da Cruz, decretou, nesta quarta-feira (06), estado de calamidade pública no município por conta da pandemia do novo coronavírus. Segundo a prefeitura, o decreto agora precisará ser aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo.

A medida, informou o município, vale até o dia 31 de julho e está de acordo com as ações já adotadas no âmbito da educação, saúde, assistência social e nos segmentos do comércio, bem como com os decretos estaduais e federais. O município adotou ações de barreiras sanitárias e é obrigatório o uso de máscaras. 

Até o início da tarde desta quarta-feira (6), a cidade que tem pouco mais de 11 mil habitantes possui uma morte, que aconteceu no dia 16 de abril, sete casos confirmados, oito casos em investigação e quatro pacientes considerados curados da Covid-19. Segundo o mapa de gestão de risco, Presidente Kennedy tem risco moderado para a transmissão da doença.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.