ASSINE

Capixaba que caiu de andaime e morreu na Itália é enterrado na Serra

Translado do corpo de Alexsandro Tonn Loose, de 30 anos, foi realizado no fim de semana e enterro teve cerimônia reservada para a família

Publicado em 04/07/2022 às 10h46
Serra
Alexsandro deixou a cidade da Serra com a esposa e o filho para morar em Verona, na Itália. Crédito: Arquivo pessoal

O brasileiro Alexsandro Tonn Loose, de 30 anos, que morreu durante o primeiro dia de trabalho em uma obra na Itália, foi enterrado neste domingo (3), na Serra, na Grande Vitória, em cerimônia reservada para os familiares. A família dele buscou ajuda para trazer o corpo ao Brasil e o translado foi feito no sábado (2).

Segundo o irmão de Alexssandro, Magno Loose, a família contou com ajuda do Consulado do Brasil na Itália, da comunidade brasileira no país e de instituições da Igreja Católica. O acidente aconteceu no dia 13 de junho.

Alexsandro tinha cidadania italiana e, junto com a esposa e o filho de 4 anos, foi há cerca de três meses para a cidade de Verona. Na Itália, o plano de Alexsandro era seguir na mesma profissão que exercia no Brasil, a de pedreiro. O capixaba estava nas primeiras horas no novo emprego em uma obra na província de Mântua.

A família de Alexsandro no Espírito Santo afirmou que ele foi para a Itália com a intenção de prosperar financeiramente. Além dele, quatro irmãos atuam como pedreiros.

*Com informações do g1 ES

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.