ASSINE

Calçada do Saldanha vai ganhar baia para ônibus e acesso para veículos

A desapropriação de parte da benfeitoria do Clube Saldanha da Gama tem o objetivo proporcionar a ampliação do sistema viário urbano. Estima-se um investimento de R$ 250.000

Publicado em 06/10/2021 às 12h24
Desapropriação de parte da benfeitoria do Clube Saldanha da Gama
Esquema da desapropriação de parte da benfeitoria do Clube Saldanha da Gama. Crédito: Divulgação/Setur-ES

O governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo (Setur), divulgou na última segunda-feira (4) o Decreto nº 2044-S, que permite a desapropriação de parte da benfeitoria do Clube Saldanha da Gama, com o objetivo de ampliar o sistema viário urbano nas proximidades da Avenida Beira-Mar. A ideia, com a ampliação, é implementar uma faixa de desaceleração no local. Com isso, será possível acessar, de forma segura, o antigo prédio do Saldanha, em Vitória, inclusive contando com a implantação de um ponto de ônibus nas proximidades.

O processo de desapropriação integra o conjunto de ações do governo para uso do espaço que, em breve, será a Casa do Turismo Capixaba. “Esta é mais uma ação para tornar acessível a chegada a nossa futura Casa do Turismo possibilitando melhor e mais seguro acesso dos veículos, inclusive, os ônibus de turismo”, afirmou a secretária de Estado de Turismo, Lenise Loureiro.

INVESTIMENTO

Para a realização da nova proposta, estima-se um investimento de R$ 250.000,00, o que contempla:

  • Demolição e reconstrução de muro e do passeio público;
  • Relocação de postes e estruturas de drenagens, telefonia e outros;
  • Implantação de ilha de apoio à distribuição do tráfego;
  • Recomposição e ampliação de pavimentação viária;
  • Implantação de sinalização viária.

ANTIGA SEDE

A antiga sede do Clube Saldanha da Gama está recebendo obras de manutenção tanto nas áreas internas quanto externas. Além disso, estão sendo contratados projetos e a execução de novas estruturas de climatização, rede lógica, sistema de combate a incêndio, elevador e equipamentos de circulação vertical.

Com restaurante e cervejaria, Saldanha da Gama será a Casa do Turismo Capixaba

PROJETO

O espaço contará, além da sede da Secretaria de Turismo (Setur), com um restaurante e uma cervejaria. Serão publicados editais para locação dos espaços comerciais. Porém, umas das exigências será um cardápio com pratos típicos do Espírito Santo, além da comercialização de cervejas artesanais produzidos em solo capixaba.

A proposta do projeto ainda envolve um espaço cultural de resgate da memória do Forte e um espaço para eventos. No Memorial do Forte, será realizada a recuperação visual e restauro da muralha, dos canhões e da estátua do índio Araribóia - que irá receber uma iluminação cênica para tornar o espaço mais bonito e atraente. Além disso, está prevista a instalação de totens com a história do local.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.