ASSINE

Medialunas argentinas são nova opção para delivery em Vitória

Os folhados doces produzidos pela confeiteira Natalia Coronel e a reabertura do Grappino e do Aleixo foram destaque na gastronomia capixaba esta semana

Publicado em 16/07/2020 às 15h19
Atualizado em 16/07/2020 às 15h48
Medialunas feitas sob encomenda pela confeiteira argentina Natalia Corone
Medialunas produzidas pela confeiteira argentina Natalia Coronel . Crédito: Evelize Calmon

Quem já foi à Argentina ou nasceu naquele país e mora na Grande Vitória pode pedir em casa um dos doces mais apreciados em terras hermanas. As famosas medialunas argentinas (pães folhados semelhantes aos croissants) passaram a ser produzidas sob encomenda em Vitória pela confeiteira Natalia Coronel. 

De cada fornada são entregues medialunas clássicas (R$ 6), recheadas com doce de leite (R$ 7) ou cobertas com creme de confeiteiro (R$ 7), além de torta de doce de leite e coco (R$ 8 a fatia). Natalia, que é argentina, aceita pedidos pelo Whatsapp (27) 99919-9405 e faz entregas sempre às segundas e quartas. Mais informações: @natalia.coronel99

BAR REABRE COM DELIVERY NO CENTRO DE VITÓRIA

Após passar meses fechado devido à pandemia, o Grappino voltou a atender, exclusivamente com delivery, nas noites de segunda a sábado. O bar, localizado na Rua Gama Rosa, entrega a maioria de suas entradas, entre elas o carro-chefe Pollos Hermanos (frango empanado e molho de mostarda e mel) e pratos como baião de dois, além de saladas, massas e sanduíches. Delivery pelo (27) 3029-5567 (somente Centro de Vitória, sem taxa) e pelo app Uber Eats. Mais informações: @grappinovix.

Pollos Hermanos fará parte de um combo promocional no Grappino
Pollos Hermanos é destaque no delivery do Grappino. Crédito: Fabio Machado/Divulgação

RESTAURANTE VOLTA A ATENDER NA PRAIA DO CANTO

Fechado desde o início da pandemia, em março, um dos restaurantes mais badalados da Praia do Canto retomou o atendimento presencial nesta semana. O Aleixo, que agora é administrado pelo grupo Uaine, do empresário Leonardo Freitas, voltou a funcionar na última terça-feira (14) com almoço das 12h às 16h. A casa passou por uma pequena reforma e abrirá de segunda a sexta.  

Acompanhe as dicas de gastronomia da jornalista no Instagram.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.