Vila Velha assina ordem de serviço para reforma do Museu Homero Massena

Segundo o secretário Municipal de Cultura, as obras de restauração e ampliação do espaço devem ser entregues em até quatro meses

Publicado em 01/02/2020 às 11h46
Atualizado em 01/02/2020 às 14h46
Data: 21/01/2020 - ES - Vila Velha - Museu Homero Massena, Vila Velha  Editoria: Cidades - Foto: Ricardo Medeiros - GZ. Crédito: Ricardo Medeiros
Data: 21/01/2020 - ES - Vila Velha - Museu Homero Massena, Vila Velha Editoria: Cidades - Foto: Ricardo Medeiros - GZ. Crédito: Ricardo Medeiros

O projeto de restauração do Museu Homero Massena deu mais um passo. A ordem de serviço para execução das obras de reforma e ampliação do espaço foi assinada, nesta sexta-feira (31), pelo prefeito Max Filho, durante a edição do Concertos da Vila, na Igreja do Rosário, na Prainha.

De acordo com o secretário municipal de Cultura (Semcult), Alvarito Mendes, a previsão será de quatro a cinco meses de obra. "Estamos torcendo para que, no final deste semestre, a casa em que abriga o museu já esteja em condição de ser inaugurada para voltar a receber e expor a obra de Massena", finalizou.

O MUSEU

O Museu Homero Massena foi tombado no final da década de 80 e é considerado um dos maiores patrimônios históricos de Vila Velha. Natural de Barbacena, Minas Gerais, e tinha a cidade capixaba no coração, já que veio morar no município aos seis meses de vida.

Artista completo, Homero Massena era escritor e pintor e escreveu dois livros: “Miracema” e “Atribulações de um Capixaba”. Nas suas pinturas a natureza era sua grande fonte de inspiração, em quadros com uma riqueza de texturas e transparências, levando, com suas pinceladas, um realismo às obras, criando vida em seus quadros.

A maior obra do pintor é o quadro “Solidão”, que hoje se encontra nas paredes do Palácio Anchieta. Além das diversas obras, é de Homero Massena a pintura do teto do Teatro Carlos Gomes.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.