ASSINE

Festival seleciona artistas para apresentações online com direito a cachê

Festival UP! começa neste domingo (19) e pretende acontecer durante três meses. Evento busca artistas da música, teatro, dança, literatura e humor. Saiba como participar ou assistir

Publicado em 19/04/2020 às 07h00
O Festival UP! começa neste domingo (19) prometendo mostrar mais de mil atrações até julho
O Festival UP! começa neste domingo (19) prometendo mostrar mais de mil atrações até julho. Crédito: Pixabay

A cultura, cada vez mais, aposta na popularidade da internet para atrair a atenção do público em tempos de quarentena e isolamento social, por conta do avanço da pandemia do novo coronavírus. A ordem do dia é ficar em casa!

Embarcando no ditado "o artista vai aonde o povo está", o Festival UP! começa neste domingo (19), com a proposta de atrair mais de mil artistas em atrações culturais exibidas nas redes sociais. A ideia é ousada: três meses de programação, com apresentações  diárias.  

Serão cinco áreas contempladas: Música, Teatro, Dança, Literatura e Humor. Qualquer pessoa com alma de artista pode participar da empreitada, portanto, embarque nessa oportunidade de mostrar o seu trabalho! Para entrar na programação, basta publicar conteúdos próprios no YouTube e, em seguida, fazer a inscrição pelo site do evento, realizado pelo Instituto Ekloos com patrocínio da Vale.

As inscrições vão até o dia 12 de julho para oa interessados. Mas, se você é apenas espectador, pode conferir os materiais já enviados e selecionados pela curadoria na página do festival no YouTube.

SELEÇÃO

Curadores definirão se o conteúdo disponível está apto a participar. Para cada vídeo aprovado, o artista receberá um cachê de R$ 300. Personalidades também podem embarcar na ideia, enviando o material de forma voluntária e gratuita. O Festival será aberto ao público no dia 19, às 14h, e ficará disponível até 13 de julho.

Performances de dança também poderão participar do Festival UP!
Performances de dança também poderão participar do Festival UP!. Crédito: Pixabay

O objetivo do Festival UP! é claro: "dar um up"  (literalmente) na situação dos artistas, principalmente os não profissionais, possibilitando que sejam remunerados pela criação de conteúdos e que o público possa usufruir do material para o seu entretenimento. Uma junção do digital com a cultura e o social.

"Artistas reconhecidos têm aproveitado a época de isolamento social para oferecer performances ao vivo a seus fãs. Estes eventos têm gerado milhões de visualizações em todo o país. Por que não dar visibilidade também aos independentes, que, ainda por cima, precisam de recursos financeiros para sobreviver durante a crise? O festival se propõe a isso, ajudar os talentos de todo Brasil e oferecer entretenimento para quem está em casa", complementa Andréa Gomides, presidente do Instituto Ekloos, um dos organizadores do Festival. 

A Gazeta integra o

Saiba mais
Música Coronavírus Fique bem Cultura teatro Arte Isolamento social

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.