ASSINE

"Beijo de Judas": Carol Biazin estreia em disco mergulhado no pop

Álbum, que terá músicas sendo lançadas até o primeiro semestre de 2021 e participações de Vitão, Luísa Sonza e Gloria Groove, chega com seis canções para os fãs do ritmo

Vitória
Publicado em 13/11/2020 às 10h00
 A cantora Carol Biazin
A cantora Carol Biazin no vídeo de "Beijo de Judas". Crédito: Lana Pinho/Divulgação

Pouco depois de lançar os singles “Sempre Que Der” ao lado de Vitão e “Desgrama”, que já superam a marca de 2 milhões de streamings, a cantora Carol Biazin apresenta todo seu som em "Beijo de Judas", seu primeiro disco já disponível nas plataformas digitais.

E Carol já começa com novidades na estreia. Além de cantar com Vitão na música citada acima, Luísa Sonza e Gloria Groove também estão no disco. Acha pouco? Biazin será a primeira artista da Universal Music no país a lançar o álbum com faixas escondidas na tracklist dos apps de música. Mas como isso funciona?

De acordo com a assessoria, será possível ver o nome de todas as músicas do novo trabalho, mas nem todas ainda estarão disponíveis para serem ouvidas, sendo elas lançadas oficialmente posteriormente. Hoje, ele sai com seis faixas: "Beijo de Judas", "Sempre Que Der", "Desgrama", "Louca", "Inveja" e "Tatuagem".

Ver essa foto no Instagram

beijo de judas, meu novo álbum e clipe. 13.11 (link do pre-save na bio)

Uma publicação compartilhada por Carol Biazin (@carolbiazin) em

As demais canções serão liberadas gradualmente até o primeiro semestre de 2021. No fim, o disco terá 10 canções que mergulham no pop nacional e prometem fazer sucesso no cenário musical. A experiência para conseguir isso, Carol já tem.

Finalista do "The Voice 2017" no time de Ivete Sangalo, a ruiva é coautora dos singles "Pouco de você", de Vitão, "Juntinho", do Rouge, e "Complicado", de Vitão e Anitta. Com 23 anos, Carol também é vencedora dos prêmios Pop Mais na categoria "Artista Revelação" e aposta do ano do Prêmio Jovem Brasileiro em 2019.

Sobre as participações em "Beijo de Judas", a cantora é só alegria: “Não poderia estar mais feliz, eu sou mega fã das duas. Ainda não posso dar muitos detalhes, mas estou louca para que as pessoas possam conferir e desfrutar dessas participações mais que especiais”.

A música de trabalho é a mesma que dá nome ao álbum. Composta por Carol Biazin em parceria com as cantoras DAY, Carol Marcílio (Carol & Vitoria) e Tiê Castro, manager e parceiro de composição, "Beijo de Judas" é um grito de desabafo, raiva e alívio sobre a indústria da música.

“Eu estava sentindo muito a necessidade de desabafar sobre. Por muito tempo me senti uma artista injustiçada e essa música é um grito que eu dei de frustração, raiva e alívio. Era uma coisa que me machucava muito! Não é uma indireta para uma única pessoa, e sim para a injusta indústria da música”, desabafa Biazin.

A canção, assim como o disco inteiro da cantora, foi produzida pelo coletivo Los Brasileiros, responsáveis por sucessos de artistas como Anitta, Vitão e Jão. "Beijo de Judas", a faixa, já chega com clipe.

Dirigido por Mário Cézar e Deni Amori, o video mostra como a mulher sofre dentro da indústria musical e como são colocadas uma contra a outra, através do estímulo de Judas.

“A ideia era colocar três meninas autênticas em competição uma contra a outra pela corrida do ibope. Cada uma do seu jeito, da forma que gosta de se vestir e portar, disputando entre elas, graças aos conselhos de Judas, um único espaço. Esse clipe é um retrato do que as mulheres sofrem dentro da indústria musical e mostra como somos colocadas uma contra as outras”, diz Biazin.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Música Fique bem Famosos

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.