Taynã Feitosa é sommelière e cervejeira apaixonada por uma boa cerveja e suas infinitas possibilidades. Também é jornalista e mercadóloga

Cerveja sem álcool e sem preconceito: confira 3 dicas para provar

As opções não alcoólicas viraram tendência mundial e ganharam espaço nas cervejarias brasileiras, que passaram a produzir mais rótulos com esse perfil

Publicado em 03/02/2021 às 02h00
Brinde com garrafas de cerveja long neck
Na Europa, beber cervejas sem álcool é considerado um hábito saudável. Crédito: Shutterstock

Cerveja sem álcool. É, querido leitor cervejeiro... confesso que também torço o nariz quando alguém chega com esse papo pro meu lado. Como boa sommelière de cervejas que sou, jogo no time que defende o álcool e seus momentos inebriantes (porém conscientes).

Mas se você não tem preconceito com as cervejas zero e já se perguntou sobre suas qualidades, trago aqui algumas informações. 

De acordo com a legislação brasileira (Artigo 38 do Decreto nº 6.871, de junho de 2009), são consideradas cervejas sem álcool as que têm menos de 0,5% de ABV. Apesar de essa modalidade não ser muito consumida no Brasil, a procura por rótulos não alcoólicos tem crescido por aqui.

Além das nossas cervejarias comerciais, as que produzem cervejas especiais também têm investido em opções para agradar quem, por algum motivo, não queira ou não possa ingerir álcool.

Recentemente, a gaúcha Roleta Russa lançou a Roleta Russa Easy IPA sem álcool, que além de ter baixíssimo ABV (0,4%) e ser de baixa caloria (67 kcal por lata), não contém glúten. Também produzem rótulos alcohol free por aqui as paulistas Dádiva (Golden Ale) e Leuven (American Wheat).

PROPRIEDADES ISOTÔNICAS

Já na Europa e em outros países, o consumo de cervejas zero é bem comum, além de ser considerado um hábito saudável. Muitas marcas lançam suas cervejas sem álcool como sport beer, relacionando-as à prática de esportes. Especialistas apontam que a bebida zero pode ser um excelente isotônico, devido à presença de água, carboidratos, proteínas e diversos micronutrientes.

Além das propriedades isotônicas, cervejas (com ou sem álcool) são fontes de vitaminas do complexo B, que estão ligadas à produção de energia. Além disso, o lúpulo é uma boa fonte de antioxidantes para o nosso organismo.

MÉTODOS DE FABRICAÇÃO

A cerveja é uma bebida fermentada que obtém álcool a partir do trabalho das leveduras. Logo, transformá-la em uma bebida não alcoólica requer processos específicos durante a fabricação.

Os métodos mais comuns são: fervura, no qual a cerveja é elevada a temperaturas altíssimas para garantir a evaporação do álcool formado, e fermentação interrompida, em que a fermentação ocorre em temperaturas baixas e é suspensa antes que as leveduras fabriquem o álcool.

A fermentação interrompida costuma deixar a cerveja mais doce, já que parte do açúcar que deveria ter sido consumido pelas leveduras continua na bebida.

DESTILAÇÃO A VÁCUO

Um outro método de remoção do álcool é a destilação a vácuo, similar ao de fervura. A diferença é que a bebida é inserida a vácuo, o que aumenta a pressão e diminui a temperatura de evaporação do álcool.

O método mais avançado é o da osmose reversa. Nele, a cerveja passa por um filtro, e a água e o álcool são retidos. Em seguida, o álcool é removido por meio de destilação e os outros ingredientes voltam a ser misturados na água restante.

3 DICAS DA COLUNISTA

Quer conhecer cervejas zero que valem a pena? Selecionei três rótulos que recomendo a qualquer momento. Coincidência ou não, são produzidos por três cervejarias ícones da Alemanha. Confira:

Cervejas sem álcool sugeridas pela colunista Taynã Feitosa
  • Erdinger Alkoholfrei 
  • Qualidade alemã, com trigo e também com o título de isotônico favorito dos atletas alemães. Lançada como primeira cerveja isotônica do mundo, essa Erdinger conta com a mesma qualidade dos outros rótulos da marca e contém apenas 25 kcal por 100ml.
  • Schneider Weisse TAP 3 Alkoholfrei Weissbier
  • Com apenas 0,3% de teor alcoólico, essa cerveja passa por dois dos processos de remoção de álcool que citei acima: fermentação interrompida e remoção a vácuo. Os métodos não comprometem o sabor característico de malte e caramelo, e nem a linda cor dessa cerveja, que é refrescante na medida.
  • Paulaner Hefe-Weissbier Alkoholfrei 
  • Outro rótulo sem álcool que reúne sabor e qualidade. Com 26 kcal por 100ml, essa hefeweiss é enriquecida com vitamina B12 e é considerada um dos rótulos mais naturais da marca.

Clique aqui para ler as colunas anteriores e acompanhe a colunista também no Instagram.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.