ASSINE
Bia Brunow é uma jornalista que virou cozinheira. Por aqui vamos ter muita cozinha afetiva, viagens e histórias contadas entre uma garfada e outra

Como preparar um picadinho de carne barato e delicioso

Quase todas as receitas com carne podem ser substituídas por opções mais em conta se você respeitar o modo de preparo. Neste prato, o filé foi trocado por músculo

Publicado em 18/11/2020 às 05h01
Picadinho de músculo com farofa da chef Bia Brunow para a coluna Cozinha Intuitiva da Bia
Picadinho de músculo bovino com legumes servido com farofa. Crédito: Bia Brunow

O preço da carne segue impraticável, portanto, variar entre proteínas animais e vegetais é uma excelente alternativa para o bolso e para o planeta. Mas para aqueles dias que exigem uma boa carninha de boi, ainda podemos pensar em alternativas dentro do orçamento.

As carnes classificadas como “de segunda” são absolutamente ricas no paladar. O que as difere, normalmente, é a forma e o tempo de cocção. Quase todas as receitas do dia a dia podem ser substituídas por carnes mais baratas se você respeitar seu modo de preparo, o que é o caso do picadinho que mostrarei a seguir: ele deixou de lado as iscas de filé mignon para dar espaço ao músculo bovino.

Essa receita demora um pouco mais para ficar pronta, mas é ainda mais saborosa do que sua versão mais cara. Confira!

PICADINHO DE MÚSCULO COM LEGUMES

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 1 hora
Execução: fácil

  • INGREDIENTES:
  • 500g de músculo bovino picado em cubos pequenos
  • 2 cebolas cortadas em cubinhos
  • 1 cenoura cortadas em cubinhos
  • 3 dentes de alho picadinhos
  • 1 folha de louro
  • 2 talos de salsão picadinhos
  • 3 ramos de tomilho
  • 3 colheres de molho de tomate tipo passata ou extrato de tomate
  • 1 colher de chá de páprica doce
  • ½ xicara de vinho tinto
  • 1 xícara de caldo de carne ou água
  • Azeite e sal a gosto
Preparo de picadinho de músculo com farofa da chef Bia Brunow para a coluna Cozinha Intuitiva da Bia
As carnes classificadas como “de segunda” são absolutamente ricas no paladar. Crédito: Bia Brunow
  • MODO DE PREPARO: 
  1. Em uma panela grande e de fundo grosso, esquente um fio de azeite. 
  2. Tempere os cubinhos de carne com sal, pimenta-do-reino e páprica e doure. Atenção: para que a carne fique dourada, a panela tem que estar bem quente e a carne tem que ser refogada de pouco a pouco, sem cobrir toda a superfície da panela e sem mexer demais. 
  3. Depois de dourada a carne, acrescente mais um fio de azeite, a cebola, o alho e os legumes. 
  4. Deixe suar, raspando bem o fundo da panela para extrair o sabor da carne. 
  5. Acrescente a passata ou o extrato de tomate e em seguida o vinho tinto para deglaçar a panela. 
  6. Junte o louro, o tomilho e o caldo de carne, e tampe a panela, deixando cozinhar em fogo médio por 50 minutos.

Acompanhe a colunista também no Instagram ou clique aqui para ler as colunas anteriores. 

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.