ASSINE

Frio no Norte do Espírito Santo: o que está acontecendo?

O calor faz parte do cotidiano dos moradores da Região Norte do Estado, mas, nos últimos dias, a sensação de frio aumentou. Especialista explica se 2021 tem algo de diferente

Linhares
Publicado em 22/07/2021 às 12h35
Frio e agasalhos
Pessoa com agasalho em dia frio. Crédito: Carlos Alberto Silva

As temperaturas neste período de inverno têm chamado a atenção de quem mora no Norte do Espírito Santo. Os moradores da região estão com a sensação de que está fazendo mais frio em 2021 do que em anos anteriores. De acordo com especialista em Meteorologia, o capixaba acabou se desacostumando com as baixas temperaturas da época.

Segundo o coordenador de Meteorologia do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), Hugo Ramos, não há nada de anormal, mas houve uma mudança na frequência da passagem de massas de ar polares. Em 2021, foram registrados mais eventos de friagem que em anos anteriores.

“O capixaba acabou se desacostumando um pouco desse frio nessa época do ano. De acordo com a climatologia, os meses de junho, julho e agosto são os mais frios e os mais secos do ano. Se a gente fizer um apanhado dos últimos cinco anos, de 2017 para cá, com exceção de 2020, apenas o mês de julho teve registro de eventos de friagem. Mas, em 2021, já tivemos cerca de seis eventos de friagem. As massas de ar polares têm avançado com maior frequência”, explicou.

PERÍODO DE SECA DE 2014 A 2017

Ainda segundo o especialista, entre 2014 a 2017, as massas de ar polares não conseguiam avançar em direção ao Estado, por conta de uma massa de ar quente que ficou na região central do país no período. Com isso, as temperaturas ficavam mais elevadas.

“O capixaba não sentia frio nessa época, então agora, como as massas têm avançado, há essa percepção de que está fazendo mais frio”, ressaltou Ramos.

E para os capixabas que estão achando o tempo frio demais, vai ser necessário deixar os cobertores fora do armário pelo menos por mais um tempo. De acordo com Ramos, novos eventos de friagem estão previstos para o próximo mês.

A Gazeta integra o

Saiba mais
clima ES Norte

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.