ASSINE

Pés de galinha: como evitar as rugas ao redor dos olhos?

Elas surgem na região devido ao processo de envelhecimento da pele e aos movimentos repetitivos dos músculos na região. Os tratamentos podem ser feitos com cremes e lasers

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 03/09/2021 às 17h07
Mulher com sérum
Existe no mercado uma variedade de cremes específicos para a área dos olhos. Crédito: Freepik

Não tem jeito. A pele do contorno dos olhos é a primeira a denunciar os sinais do tempo. E é na região que costumam aparecer os 'pés de galinha', as rugas que surgem ao redor dos olhos. Mas não é para se desesperar.

A dermatologista Giane Giro Teixeira conta que essas rugas surgem na área dos olhos devido ao processo de envelhecimento da pele e aos movimentos repetitivos dos músculos na região. No início, são percebidas apenas no movimento, ao sorrir, e com o tempo se tornam rugas fixas.

"A partir dos 25 anos ocorre uma redução natural da produção de colágeno da pele. O envelhecimento cutâneo pode ser percebido ainda mais cedo nas pessoas que se expõem mais intensamente ao sol, especialmente as de pele clara. Alguns hábitos como tabagismo e sono irregular também contribuem para o envelhecimento precoce. A pele das pálpebras é muito fina e geralmente é a primeira a mostrar os sinais do envelhecimento, como a flacidez e as linhas finas", explica.

A médica conta que as rugas de expressão aparecem devido ao processo de envelhecimento intrínseco, que acontece naturalmente com o passar dos anos. E a exposição ao sol tem muita importância no envelhecimento precoce da pele. "As rugas de expressão ao redor dos olhos são mais intensas na pele fotoenvelhecida. O uso do protetor solar da maneira correta previne o envelhecimento da pele. O ideal é aplicar a cada quatro horas no uso diário ou a cada duas horas se tiver exposição intensa ao sol", diz Giane Giro.

CREMES

A dermatologista Isabella Redighieri conta que as rugas nessa região se formam pelo movimento repetido da musculatura periocular. "A contração do músculo dobra a pele, que forma a ruga. Após um tempo e com a piora da flacidez, a pele pode ficar marcada constantemente, mesmo sem o movimento. São as rugas fixas", diz. 

No caso das mulheres, é preciso uma atenção a mais na hora de retirar a maquiagem da área dos olhos. Pode-se usar um sabonete específico para a pele do paciente, que muitas vezes é suficiente para remover os produtos. "Quando se trata de uma maquiagem mais pesada, com muito rímel e corretivo mais espesso, por exemplo, oriento utilizar a água micelar com algodão, de forma delicada, e em seguida lavar com o sabonete para retirar o excesso", conta Isabella Redighieri. 

Já para cuidar, existe no mercado uma variedade de cremes específicos. Isabella explica que são produtos menos irritantes por tratar-se de uma área mais delicada e sensível. "O ideal é que o dermatologista oriente qual produto escolher. Gosto de associações com ácido hialurônico, antioxidantes, clareadores e ativos com efeito tensor". 

A dermatologista Isabella Redighieri afirma que a procura por procedimentos estéticos pelos homens aumentou nos últimos anos.
A dermatologista Isabella Redighieri explica os cuidados com as rugas ao redor dos olhos. Crédito: Isabella Redighieri

Isabella Redighieri

Dermatologista

"Uma dica é iniciar o uso de toxina botulínica de forma preventiva, antes que as rugas comecem a marcar a pele. Pelo menos a cada 6 meses. E lembre-se: não tem idade certa para iniciar"

TRATAMENTOS

Giane Giro conta que, além dos cremes específicos, o uso do hidratante diário é um cuidado básico para prevenir os sinais do envelhecimento nesta região. "Além dos hidratantes, podemos associar vários princípios ativos em cosméticos multifuncionais, que além de hidratar terão benefícios extras para a área dos olhos. Alguns exemplos são as substâncias que promovem a renovação celular e ajudam no estímulo a produção de colágeno, como o retinol e a gluconolactona", explica. Outra associação possível são os hidratantes com peptídeos que possuem ação firmadora para a pele, ou com os clareadores para ajudar no tratamento das olheiras, e os antioxidantes para ajudar na prevenção do envelhecimento.

Já entre os tratamentos, Giane sugere o Smooth Eye, um protocolo do Fotona que trata as pálpebras e toda a região ao redor dos olhos. "Ele promove um estímulo intenso na produção de colágeno, melhora a qualidade da pele e suaviza as rugas de expressão. É o meu tratamento de escolha para o rejuvenescimento da área dos olhos", diz. Ela ressalta que um sorriso com 'zero' rugas pode ser artificial, por isso o objetivo do tratamento deve ser suavizar as rugas sem modificar o rosto e a beleza das expressões naturais.

Isabella sugere o tratamento com lasers e ultrassom microfocado, tecnologias que ativam a produção de colágeno. "É a proteína que dá firmeza à pele. Quanto mais firme, menos ela enruga. O ideal é fazer esse estímulo de cada 3 a 6 meses, dependendo do grau de flacidez". Os pés de galinha podem melhorar e às vezes até sumir, mesmo que temporariamente. "O ideal é associar tratamentos que melhorem a pele ao uso frequente da toxina botulínica", diz a dermatologista. 

A Gazeta integra o

Saiba mais
Beleza

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.