ASSINE

Trump aceita liberar verba para serviço postal por acordo com democratas

O presidente dos Estados Unidos disse que concordaria em liberar o serviço para financiamento "se eles nos derem o que queremos"

Publicado em 14/08/2020 às 15h26
Presidente dos Estados Unidos Donald Trump
Presidente dos Estados Unidos Donald Trump. Crédito: Official White House Photo by Andrea Hanks

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que concordaria em liberar financiamento para o serviço postal do país, o que facilitaria o voto por correio nas eleições, caso o Partido Democrata aceite fazer um acordo pelo pacote fiscal trilionário negociado há semanas em Washington. "Se eles nos derem o que queremos", condicionou o republicano, em uma coletiva de imprensa.

O chefe da Casa Branca comemorou o dado de produção industrial dos EUA em julho, que subiu 3% na comparação mensal. "Isso é muito bom", disse Trump, ao destacar que o indicador avançou por três meses consecutivos depois de forte queda causada pela pandemia de covid-19.

O republicano voltou a mostrar otimismo com a retomada da economia americana. De acordo com ele, os EUA terão um terceiro trimestre "muito bom" e um ano "inacreditável" em 2021, em termos econômicos.

Trump disse que o governo americano fará um anúncio relacionado a vacinas contra o coronavírus "num futuro não muito distante". Ele informou nesta sexta-feira (14) , que fez um acordo com a companhia McKesson para impulsionar a distribuição das vacinas em território americano.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Donald Trump Economia Estados Unidos estados unidos Mundo

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.