ASSINE

Casa na praia: veja 9 materiais que são resistentes à maresia

Alguns tipos de móveis são mais suscetíveis a sofrer com os agentes externos como a umidade, a maresia e a incidência do sol

Tempo de leitura: 2min
Vitória
Publicado em 26/07/2022 às 13h00
casa de praia
Alguns móveis são mais suscetíveis a sofrer com os agentes externos como a umidade, a maresia e a incidência do sol. Crédito: Quimino/Pixabay

Morar em uma casa de frente para a praia é um privilégio. Mas, nem tudo é “sombra e água fresca”. Apesar dos benefícios, quem tem um imóvel perto do mar encontra um problema: a maresia. 

Segundo a arquiteta Amanda Daleprane, a névoa fina, úmida e salgada interfere na conservação de móveis e eletrodomésticos que são feitos de alguns tipos de materiais. O ferro, por exemplo, é o metal que mais sofre corrosão pela maresia. Estruturas metálicas, como o aço, também merecem atenção especial.

“Algumas superfícies são mais suscetíveis a sofrer com os agentes externos como a umidade, a maresia e a incidência do sol e podem apresentar oxidação acelerada, desbotamento da coloração original, entre outros. Por isso, é necessário pensar não somente na estética, mas também na resistência e praticidade de cada item, além da manutenção do espaço”, destaca arquiteta.

Por absorverem facilmente a umidade, os tecidos permeáveis devem ser evitados, especialmente no caso de estofados. A mesma recomendação vale para tapetes, cortinas e almofadas. A dica, segundo Daleprane, é comprar tecidos específicos para altas temperaturas, que não sofrerão com a maresia e com a umidade do local.

"Uma boa opção é acquablock, um tipo de tecido impermeável que é bastante utilizado para compor a decoração da casa de praia. Outro tecido muito interessante e resistente é o sunbrella, que resiste até mesmo às manchas de sol e de produtos utilizados na praia", destaca. 

Pensando na forma de amenizar os efeitos causados por este fenômeno,  a arquiteta Elis Nobre listou nove materiais que são resistentes e duradouros em locais litorâneos: 

  1. A Gazeta - qmofjwbn4
    01

    Madeira

    É um material recomendado, porém, deve-se evitar o contato direto com água, tanto salgada quanto potável. Em caso de móveis ou adornos externos, utilize a madeira que tenha resistência à chuva ou que esteja com proteção de verniz naval. Mesmo em cozinhas e áreas molhadas internas, tente buscar por mdf que seja feito com revestimento naval ou ultra. Em locais externos, busque por madeiras como Ipê, Cumaru, Cedro, eucalipto tratado, entre outras, que servem para projetos de deck externos e móveis para áreas externas, além de verniz para também resistir ao sol e cupins. Pode ser ótima escolha para as portas internas.

  2. A Gazeta - 5wxzynuym
    02

    Cerâmica

    É bastante recomendada por ser fosco, o que acaba escondendo a sujeira proveniente da areia, além de não riscar com facilidade. Também pode ser utilizado o porcelanato acetinado, pois o porcelanato aguenta bem os danos causados pela maresia e tem vida útil longa. 

  3. A Gazeta - 1y8ncej2
    03

    Inox

    Altamente recomendado quando se busca por um conceito usando mais os tons de metais. Ele resiste bem mais aos efeitos da ferrugem que acaba sendo comum em áreas próximas à praia.

  4. A Gazeta - mw7qjccwr
    04

    Vidro

    Bastante vantajoso, o vidro não corrói como uma peça de metal que não seja inoxidável ou estufa por causa dos efeitos da água, como a madeira e o mdf. Além disso, o uso dos vidros deixam o ambiente com mais luminosidade e  mais integrado com o espaço externo. Ele também diminui a incidência de umidade, deixando os raios de sol entrarem mais na casa. Porém, deve se ter atenção com a limpeza, pois a gordura da maresia tende a grudar bastante a sujeira.

  5. A Gazeta - jtj1mn5j28
    05

    Bambu e Vime

    Ótimas escolhas para se usar em móveis tipo mesas e cadeiras, pois não sofrem com um grande desgaste da maresia, e com o passar do tempo, ficam ainda mais bonitos com o desgaste natural.

  6. A Gazeta - 51yvgwgxk14
    06

    Concreto

    Como qualquer outro material que será utilizado para construção, o concreto pode sim ser usado em obras próximas ao litoral, porém, se certificando as especificações quanto a degradação que pode vir a acontecer com o mesmo em relação a maresia e água salgada. O tipo de concretagem mais recomendada é o concreto armado.

  7. A Gazeta - 8pplbh5j
    07

    Alumínio

    Excelente material para ser usado em obras litorâneas, pois, assim como o inox, ele tem uma grande resistência à ação da maresia. Sempre é bom escolher janelas, portas e metais que sejam feitos de alumínio.

  8. A Gazeta - y4qjq1e
    08

    Tecidos impermeáveis

    Os tecidos, nesses locais, devem sempre ser impermeáveis, se quiser que o móvel ou adornos tenham maior durabilidade. Além de definir por tecidos que aguentem as altas temperaturas.

  9. A Gazeta - 0ln98j
    09

    Tinta acrílica

    A tinta acrílica é solúvel em água e pode ser usada tanto em camadas finas, quanto mais espessas. Ela tem os seguintes acabamentos disponíveis: fosco, acetinado e semibrilho. Sua principal característica é a resistência à umidade. A secagem também é super rápida, o que facilita a pintura de ambientes internos. 

A Gazeta integra o

Saiba mais
imóveis Apartamento Mercado imobiliário Imóveis

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.